Logo da CBIC

Agência CBIC

08/07/2017

CNI ESTIMA QUEDA DE 3,5% NA ECONOMIA NESTE ANO E PREVÊ RECUPERAÇÃO SÓ EM 2017

O Produto Interno Bruto (PIB) do País terá uma queda de 3,5% e o PIB industrial cairá 5,4% neste ano. As estimativas são da Confederação Nacional da Indústria (CNI). De acordo com o Informe Conjuntural do segundo trimestre de 2016, divulgado nesta quinta-feira, 7 de julho, a CNI revisou para baixo as previsões feitas no primeiro trimestre. Em abril, a perspectiva de redução na economia era de 3,1% e da indústria, de 5%. Não há, no horizonte próximo, sinais de uma mudança no cenário negativo verificado desde o ano passado. A expectativa da CNI é que a economia deverá voltar a crescer somente em 2017.

“A mudança no quadro político possibilitou uma conjugação favorável a ajustes estruturais que exigem mudanças legislativas e constitucionais, como é o caso da reforma da Previdência e da imposição de limitadores ao crescimento do gasto público. A proposta no âmbito federal, já enviada ao Congresso, é um avanço. Mas seus efeitos serão sentidos apenas no médio prazo, pois dependem da retomada do crescimento e ainda serão necessárias novas alterações no processo orçamentário para que se torne efetiva”, destaca o Informe Conjuntural.

Em relação ao desemprego, a previsão da CNI é que a taxa anual alcance 11,5% da População Economicamente Ativa (PEA). “Os primeiros cinco meses de 2016 confirmam o cenário de deterioração previsto pela CNI para o mercado de trabalho. O desemprego, que ultrapassou os dois dígitos ainda no primeiro bimestre, segue em trajetória de alta”.

Para acessar os informes conjunturais, clique aqui. 

(com informações da CNI)

Agenda de Eventos e Transmissões

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
Sinduscon-SE
SECONCI BRASIL
Sinduscon-PR
Sinduscon-Brusque
Sinduscom-NH
Sinduscon Anápolis
Sinduscon – CO
Sinduscon-Joinville
Ademi – MA
Assilcon
FENAPC
Ademi – RJ
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC