Logo da CBIC

CBIC`s Agency

12/05/2017

Setor da construção acompanha os avanços da reforma da previdência no congresso

O presidente da Comissão Especial da Reforma da Previdência, Carlos Marun (PMDB-MS), defende que a reforma da Previdência seja apreciada em plenário ainda em maio

Os empresários da construção civil acompanham com atenção o desenrolar da Reforma Previdenciária (PEC 287/2016) no Congresso Nacional. A expectativa é que a PEC seja votada em plenário ainda este mês, em dois turnos. Para o presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins, a aprovação dessa reforma é essencial para recuperação da economia. “A Reforma da Previdência precisa ser feita, acho que ninguém que tem o mínimo de bom senso pode ser contra. Não fecha a conta, pois não existe recursos suficientes para pagar toda essa massa. Não podemos ser irresponsáveis e não cuidar do futuro das próximas gerações”, avalia Martins.

O governo pretende ampliar o debate com a sociedade e garante que a mudança não ocorrerá de maneira radical, por isso fará nos próximos dias um amplo trabalho de esclarecimento a toda sociedade sobre os objetivos e efeitos da reforma. “Vamos fazer uma comunicação que permita levar ao conhecimento dos brasileiros a necessidade definitiva da reforma e também o que ela se propõe, que é equilibrar as contas, mas acima de tudo, se propõe a combater privilégios e fazer com que as pessoas mais pobres e vulneráveis sejam protegidas”, afirmou o ministro da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy, para a Agência Brasil, durante reunião realizada no último domingo (07), no Palácio do Alvorada, com o presidente da República, Michel Temer.

MARUN DEFENDE VOTAÇÃO DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA AINDA EM MAIO

A Comissão Especial da Reforma da Previdência concluiu, nessa terça-feira (09), a votação dos destaques apresentados ao texto elaborado pelo deputado Arthur Maia (PPS-BA). Dessa forma, o texto base do Parecer do Relator, que havia sido aprovado na reunião do último dia 3, sofreu alterações tendo em vista o resultado da votação dos destaques, no qual foi retirada a alteração proposta para o art. 109 da Constituição Federal, objeto do Destaque nº 7, e em consequência o Art. 21 do substitutivo.

Após a conclusão da votação dos destaques ao texto da reforma da Previdência, o presidente da comissão especial que analisou o tema, deputado Carlos Marun (PMDB-MS), defendeu que o texto seja apreciado pelo plenário da Câmara ainda em maio. Ainda não há uma data definida, mas a expectativa é que o governo tente votar o texto no plenário entre os dias 24 e 31 de maio. Líderes governistas defendem que a votação da PEC seja em junho.


Art. 109 …………………………………………………………..

I – as causas em que a União, entidade autárquica ou empresa pública federal forem interessadas na condição de autoras, rés, assistentes ou oponentes, exceto as de falência e as sujeitas à Justiça Eleitoral e à Justiça do Trabalho;

………………………………………………………………………………………..

§ 3º As causas de competência da justiça federal poderão ser processadas e julgadas na justiça estadual, quando a comarca não for sede de vara do juízo federal, nos termos da lei.

…………………………………………………………………………….‖(NR)

Art. 21. Os processos ajuizados até a data de publicação desta Emenda não serão alcançados pela alteração de competência decorrente da redação atribuída por esta Emenda ao art. 109 da Constituição.

COMPARTILHE!

Construction Agenda

october/2020

Filter Events

mon

tue

wed

thu

fri

sat

sun

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

No Events

Partners and Affiliations

Partners

 
APEOP-PR
Sinduscon-RIO
Sinduscon-GO
Sinduscon-JP
Sicepot-PR
Sinduscon-Teresina
Sinduscon-MS
Sinduscon-MG
Sinduscon-AC
Abrainc
Sinduscon-Brusque
AELO
 

Click Here and check our partners

Affiliations

 
CICA
CNI
FIIC
 
Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme vaporesso diziizlepaylas betpark giriş betgaranti kolaybet oleybet diyarbakır escort escort istanbul escort izmir
X