Logo da CBIC

Agência CBIC

15/10/2021

Obesidade é fator de risco para outras doenças, alerta o Seconci-SP

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que a obesidade atinge 27 milhões de brasileiros. Porém, segundo o Serviço Social da Construção Civil do Estado de São Paulo (Seconci-SP), se considerarmos todos os graus de excesso de peso, esse número chega a 75 milhões. A entidade aproveita o Dia Nacional de Prevenção à Obesidade (11/10), incorporado ao calendário nacional, para alertar para a doença, cada vez mais prevalente no país.

A endocrinologista do Seconci-SP, dra. Carolina Spissirits Gomes de Amorim, afirma que a obesidade tem grande importância, pois é uma doença que causa outras.

“Trata-se de um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de diabetes mellitus, hipertensão arterial, síndrome de apneia obstrutiva do sono, problemas de fertilidade, complicações ortopédicas, além do enorme sofrimento psíquico, causando baixa autoestima, ansiedade e depressão”.

Ela explica que a obesidade é uma doença multifatorial, decorrente de causas genéticas, ambientais e comportamentais e que necessita de acompanhamento especializado e multidisciplinar, envolvendo médicos, nutricionistas, psicólogos e educadores físicos.

“Prevenir a obesidade significa cultivar hábitos saudáveis, estimulando a alimentação rica em frutas, legumes e verduras, pobre em gorduras, frituras, alimentos industrializados e açúcar. Incentivar a prática de exercícios físicos e difundir o conhecimento para que as pessoas possam fazer melhores escolhas em seu dia a dia e assim controlar as causas evitáveis da doença”, orienta a endocrinologista.

O peso ideal é baseado no índice de massa corpórea (IMC), que é obtido dividindo o peso pelo dobro da altura (peso/altura²).

“O índice considerado normal fica entre 20 e 25, acima de 25 consideramos sobrepeso e, a partir de 30, obesidade. Se esse for o caso, o ideal é procurar atendimento médico o quanto antes, para evitar que surjam outras doenças”.

O tratamento, quando a doença está instalada, se baseia na mudança de hábitos alimentares, prática regular de atividades físicas, podendo envolver o uso de medicamentos, balão intragástrico ou, para casos mais graves, até a cirurgia bariátrica.

“O Seconci-SP dispõe de equipe multiprofissional, composta por endocrinologista, nutricionista e psiquiatra, oferecendo todo apoio para que o paciente consiga tratar essa doença, promovendo saúde e mais qualidade de vida”, finaliza dra. Carolina.

(Com informações do Seconci-SP)

 

COMPARTILHE!

Agenda de Eventos e Transmissões

Dezembro/2021

Filtrar eventos

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Nenhum evento

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
Ademi – DF
AELO
Sinduscon-RIO
Sinduscon-MA
Sinduscon – Grande Florianópolis
Sindicopes
Assilcon
Sinduscon-AP
Sinduscon-MS
Sinduscon – Foz do Rio Itajaí
Sinduscon Sul – MT
Sinduscom-VT
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 
X