Logo da CBIC

Agência CBIC

15/08/2012

Novas concessões terão menor taxa de retorno

"Cbic"
15/08/2012: Edição 380

Jornal Valor Econômico – 15/08/2012

novas concessões terão menor taxa de retorno

A taxa de remuneração dos investimentos privados nas novas concessões a serem anunciadas pela presidente Dilma Rousseff cairá para um nível entre 6% e 6,5% ao ano, no máximo, em termos reais. Serão, conforme dois funcionários do governo com conhecimento do assunto, as taxas de retorno mais baixas da história recente do país para projetos de infraestrutura.

É desse número para menos, confirmou um auxiliar da presidente que tem participado das reuniões preparatórias do pacote de concessões, no Palácio do Planalto. As taxas de retorno dos investimentos seguem uma trajetória de queda desde o primeiro ciclo de privatizações, na década de 1990, durante o governo Fernando Henrique Cardoso.

Os auxiliares da presidente consideram que o país está preparado para promover uma nova rodada de queda nas taxas de retorno: o custo do financiamento pelo BNDES caiu, a segurança jurídica está comprovada e as multinacionais interessadas nas concessões têm poucas oportunidades de negócios nos países ricos.

Além de reduzir as taxas de retorno, o governo aumentará o nível de exigências para as futuras concessionárias de rodovias, que terão 25 anos de contrato. A meta é antecipar os investimentos pesados. Todos os trechos com necessidade de duplicação de pistas – a BR-101 (na Bahia) e a BR-262 (Belo Horizonte-Vitória) – precisarão estar com obras concluídas até o fim do quinto ano de concessão.

"Cbic"

 

Agenda de Eventos e Transmissões

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
Sinduscon – CO
Sinduscon-BC
Sinduscon – Lagos
Ademi – AL
Sinduscon – Norte
SECOVI- PB
Sicepot-RS
Sinduscon-Mossoró
Sinduscon-Vale do Itapocu
Sinduscon-SM
Sinduscon-RN
Sinduscon-TAP
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC