Logo da CBIC

Agência CBIC

28/01/2020

Advogado explicará em SP como estruturar fundos imobiliários

“A expectativa para 2020 é de aceleração do ritmo de crescimento da indústria imobiliária e ampliação da confiança para a realização de investimentos”. É com este espírito que Carlos Ferrari, sócio-proprietário do NFA Advogados, pretende expor como estruturar os fundos imobiliários, dentro do debate ‘Crédito Imobiliário: juros baixos, mais negócios?’, promovido pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), no dia 17 de fevereiro, em São Paulo.

As inscrições são gratuitas. Faça já a sua!

Carlos Ferrari é proprietário do NFA Advogados, escritório especializado em representar empresas e instituições financeiras em operações imobiliárias, societárias e no mercado de capitais, bem como em litígios no âmbito do judiciário.

Para tratar sobre esse assunto, que gera tanto interesse para o setor, Carlos Ferrari adianta alguns tópicos que serão abordados no debate.

Confira a entrevista:

CBIC: Quais são expectativas de crédito para 2020?

Carlos Ferrari: O ambiente de negócios está bastante favorável para a captação de recursos diretamente em mercado de capitais, com desintermediação bancária (afastando o spread), sem prejuízo do incremento da competitividade no setor financeiro.

CBIC: Com a baixa dos juros, mais negócios serão gerados?

CF: O setor produtivo voltará a crescer com consistência. O ambiente de juros baixos favorece isso sobremaneira. De um lado temos a disponibilidade de recursos para a concessão de crédito, dada a ampliação de diferentes linhas e estruturas de crédito, especialmente em razão da migração de recursos da renda fixa que perde resultado com a queda da Selic. De outro, temos uma autorização da contração de financiamentos com custo mais baixo.

CBIC: Qual a diferença entre Fundo de Investimento e Participações (FIP) e Fundo de Investimento Imobiliário (FII), e de como e quando o empreendedor pode utilizar as modalidades.

CF: Existem algumas diferenças importantes. De início, a tributação e o perfil dos investidores do FII e do FIP são diferentes. O FIP permite a constituição de aval ou finança, favorecendo estruturas com alavancagem. O FII, por outro lado, pode investir diretamente na aquisição do imóvel, sem a necessidade de constituição de uma SPE [Sociedade de Propósito Específico], por exemplo.  Ambos podem ajudar no financiamento de projetos imobiliários, mas o FIP tem sido utilizado para projetos em fase inicial e que podem representar maiores riscos. Os FII, em regra, buscam investimentos em ativos para renda.

Alguns FII realizam o refinanciamento de dívidas tomadas a custos elevados, recebendo o estoque pronto em garantia e alongando o prazo da dívida, dessa forma a empresa pode vender o estoque com calma sem precisar dar grandes descontos; bem como reabrir linhas de crédito para seus novos projetos.

Existem operação voltadas para o financiamento da aquisição de terrenos para loteadores e incorporadoras (o que os bancos não costumam financiar); bem como o financiamento de obras, com taxas competitivas para mercado. O ambiente de fundos estruturados pode ser utilizado, também, para a realização de investimentos, favorecendo a segurança jurídica, transparência, prestação de contas e liquidez, na medida em que autoriza a participação (equity) do cotista em projetos e incorporações imobiliárias, porém sem assumir o risco da operação.

CBIC: Quais são os obstáculos para estruturar um fundo de investimento imobiliário? Qualquer um pode montar este fundo?

CF: Em síntese, a efetiva constituição e emissão de cotas de um fundo de investimento imobiliário depende, necessariamente, da contratação de uma instituição financeira, que atuará na qualidade de administradora e proprietária fiduciária dos ativos detidos pelo fundo; bem como de demais prestadores de serviços de acordo com as características e objetivo de cada fundo.

Os desafios estão, ainda, vinculados à qualidade dos ativos imobiliários objeto de investimento, bem como aos custos inerentes ao fundo (estruturação, distribuição e manutenção). É importante buscar observar um valor mínimo necessário (aprox. R$30mi, por exemplo) para que a estrutura de fundo de investimento seja comercialmente viável e mais atrativa. A empresa que pretenda atuar como consultora especializada de um fundo deverá estar apta à manutenção de seus serviços com qualidade e preços competitivos.

A instituição administradora, que será contratada para a administração do fundo, será responsável pela escolha de ativos e de negócios que determinem uma adequada combinação de risco e retorno para a carteira. Com isso, um dos desafios desses fundos reside na correta análise da qualidade dos ativos, na existência de um departamento técnico habilitado a analisar e acompanhar os projetos imobiliários do fundo, inclusive para o controle de projetos de construção dos imóveis, na hipótese de um fundo voltado para o desenvolvimento.

Programação

Também vão participar do módulo ‘Opções para fundings’:

  • Silvio Bezerra, presidente da Ecocil Incorporações;
  • Margot Greenman, sócia fundadora e CEO da Captalys;
  • Guilherme Araújo, diretor do UBS Investment Bank;
  • Heverton Peixoto, presidente da Wiz Soluções;
  • José Carlos Martins, presidente da CBIC (como mediador).

Além desse módulo, outro debate compõe a programação do dia 17 de fevereiro:

Panorama Nacional – Como os bancos estão se preparando para atuar no ambiente de juros baixos

– Cristiane Magalhães Teixeira Portella – Presidente da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip);

– Gustavo Alejo Viviani –  Diretor de Crédito e Recuperação do Banco Santander;

– Pedro Guimarães – Presidente da Caixa Econômica Federal;

– Otávio Ribeiro Damaso – Diretor de Regulação do Banco Central do Brasil;

– Moderador: Celso Petrucci – Vice-presidente da Indústria Imobiliária (CBIC).

A realização do evento faz parte do projeto ‘Melhorias para o Mercado Imobiliário’, realizado pela CBIC com a correalização do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

 

 

 

COMPARTILHE!

Agenda de Eventos e Transmissões

Agosto/2021

Filtrar eventos

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

-

-

-

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Nenhum evento

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
Sinduscon-Teresina
Ascomig
Sinduscon-JP
Sinduscon-MG
Sinduscon-AP
Sinduscon-RR
Sinduscon-RS
Sinduscon-TO
Ademi – GO
Assilcon
Sinduscon-AM
Sinduscon-BA
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 
yabancı film izle Tekne Kiralama betboo karın germe Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme retrobet vaporesso vdcasino vdcasino giriş vdcasino sorunsuz giriş vdcasino yeni giriş betpark giriş betgaranti kolaybet diyarbakır escort escort istanbul istanbul escort bayan
X