Logo da CBIC

Agência CBIC

18/06/2010

TCU deve avaliar edital de obras em aeroportos

A Medida Provisória 489/10, recentemente editada pelo Palácio do Planalto, visa tornar mais ágeis as obras para a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

O assunto deve gerar polêmica, já que a oposição quer, entre outros, obrigar que os editais de licitação para a reforma de 12 dos 15 aeroportos previstos, no valor de R$ 4,4 bilhões, tenham avaliação prévia do Tribunal de Contas da União (TCU).

Os editais preveem obras em 15 aeroportos de 12 cidades-sede.

A MP também prevê a criação de um consórcio público de regime especial, denominado Autoridade Pública Olímpica (APO), que será dirigido pelo governo federal em conjunto com o Estado do Rio de Janeiro e com o município, sede das Olimpíadas.

O órgão cuidaria do planejamento e, excepcionalmente, da administração, execução e fiscalização das obras e dos serviços necessários. Pelo MP, a Infraero recebe autorização para inverter as fases dos processos licitatórios, que levam de seis a oito meses e começam tradicionalmente pela análise da documentação geral do candidato, fixam-se então na capacidade técnica das empresas e só posteriormente se detêm no critério de preço.
 

COMPARTILHE!

Agenda de Eventos e Transmissões

Janeiro/2021

Filtrar eventos

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

-

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Nenhum evento

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
Sinduscon – Vale
Ademi – RJ
Sinduscon-SE
APEOP-SP
Sinduscon Anápolis
Ademi – AL
Sinduscon-Mossoró
Ademi – GO
ASEOPP
Sinduscon-PR
SECONCI BRASIL
SINDUSCON SUL CATARINENSE
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 
Tekne Kiralama karın germe Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme retrobet epoksi vaporesso betpark giriş betgaranti kolaybet En iyi casino siteleri diyarbakır escort escort istanbul escort izmir izmir escort
X