Logo da CBIC

Agência CBIC

06/12/2012

PIB de Pernambuco cresce bem acima da média do País

"Cbic"
06/12/2012

DCI Online/SP

PIB de Pernambuco cresce bem acima da média do País

RECIFESÃO PAULO – A economia de Pernambuco mantém trajetória de crescimento acima da média nacional. Enquanto o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro avançou 0,9% no terceiro …
 RECIFESÃO PAULO
 A economia de Pernambuco mantém trajetória de crescimento acima da média nacional. Enquanto o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro avançou 0,9% no terceiro trimestre de 2012, na comparação com igual período de 2011, a taxa do Estado fechou em 1,4%. A manutenção dos níveis de investimento e o desempenho da indústria foram responsáveis pelo dinamismo econômico local. Os resultados foram divulgados ontem pela Agência de Planejamento e Pesquisas de Pernambuco (Condepe-Fidem).
 "Não estamos imunes à crise, mas os empreendimentos em construção no estado e o consumo das famílias permitem um maior descolamento do resultado do País", observa o secretário de Planejamento de Pernambuco, Frederico Amâncio. A realidade estadual difere da brasileira: enquanto a indústria nacional enfrenta desaceleração nos quatro últimos trimestres, Pernambuco acumula ciclo de crescimento desde o terceiro trimestre de 2011. De janeiro a setembro de 2012, registrou alta de 5,6%.
 "A construção civil com 7,1%, e a indústria de transformação, com avanço de 1,3%, puxaram o desempenho da atividade. Pernambuco conta com uma série de obras de infraestrutura e de grandes empreendimentos em implantação. Por isso, a construção civil contribui mantendo os investimentos em alta não apenas do segmento imobiliário, mas na construção pesada", diz o diretor de Estudos e Pesquisas Socioeconômicas da Condepe/Fidem, Rodolfo Guimarães.
 Pernambuco conta com uma carteira de investimentos em implantação estimada em US$ 50 bilhões. Na lista estão projetos estruturadores, como a construção de uma refinaria de petróleo (Abreu e Lima), dois estaleiros (Promar e CMO), um complexo petroquímico com três fábricas e uma montadora de veículos da Fiat. Além disso, vários canteiros de obras de infraestrutura se espalham pelo estado, como a Transposição do Rio São Francisco (apesar dos atrasos), a Ferrovia Transnordestina, estradas, intervenções no Porto de Suape e as obras para a Copa do Mundo.
 "No setor industrial, várias empresas estão entrando em operação, a exemplo da unidade de macarrão instantâneo da Nissin-Ajinomoto e a primeira fábrica da Petroquímica Suape [que vai fabricar a matéria-prima do PET]", destaca Amâncio. O secretário destaca que a tendência é que o setor industrial se mantenha em alta nos próximos anos, com a entrada em funcionamento de empreendimentos em construção.
 No setor de serviços, Pernambuco teve desempenho igual ao brasileiro no terceiro trimestre, com taxa de 1,4%. Puxado pelo consumo das famílias, o comércio varejista apresentou alta de 1,8% no período. O impacto negativo sobre o PIB do estado veio do setor agropecuário. "A forte seca que atinge o nordeste fez despencar a produção das lavouras permanentes e da pecuária. A produção bovina teve queda de 31,2%. Os piores resultados foram para as culturas de milho (-61,9%) e de feijão (-61,2%).
 Apesar de ter revisado para baixo as expectativas do início do ano, o governo aposta numa taxa de crescimento para 2012 acima da média brasileira. "O ministro Guido Mantega [da Fazenda] acredita que o PIB do País ainda poderá crescer 1%. Se isso acontecer, a economia pernambucana poderá ficar com taxa entre 2% e 2,5%", calcula Amâncio. No começo de 2012, a projeção era crescer 5%.
 Serviços em alta no Brasil
 O Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) referente ao setor de serviços no Brasil, calculado pelo HSBC, subiu para 52,5 em novembro, acima do valor de 50,4 observado em outubro. Foi a terceira alta consecutiva. Leituras acima de 50,0 indicam expansão da atividade e leituras abaixo de 50,0 mostram contração. Segundo o HSBC, houve indicações de sentimento positivo no setor brasileiro de serviços no mês passado.

 
"Cbic"

 

COMPARTILHE!

Agenda de Eventos e Transmissões

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
Sinduscon-Joinville
Sinduscon-SE
AEERJ – Associação das Empresas de Engenharia do Rio de Janeiro
AELO
Sinduscon Chapecó
Sinduscon-Norte/PR
Sinduscon-PA
ADIT Brasil
Sinduscon-Teresina
ADEMI – BA
Sinduscon-JP
Sinduscon-MT
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 
X