Logo da CBIC

CBIC`s Agency

19/03/2015

Operação Lava Jato afeta criação de vagas

"Cbic"
19/03/2015

DCI Online – 19 de março

Operação Lava Jato afeta criação de vagas

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, o Caged, mostram que foram fechados 2.415 postos de trabalho no mês passado, com destaque para o setor de construção – O ministro do Trabalho e Emprego (MTE), Manoel Dias, disse ontem que a Operação Lava Jato influenciou no resultado negativo do emprego em fevereiro – com o fechamento de 2.415 vagas.

"Certamente, nesse primeiro momento, a Lava Jato influenciou em redução de emprego", avaliou o ministro. Para Dias o impacto é observado no Brasil inteiro, não só no Estado do Rio de Janeiro – cujo desempenho em fevereiro foi negativo em 11.101 postos naquele mês.

Ele lembrou que muitas empresas terceirizadas já tiveram problemas e ressaltou a situação envolvendo a Petrobras. "A própria Petrobras, que tinha uma previsão de investimentos de R$ 50 bilhões, prevê uma redução de 20%", disse.

Para ele, os problemas são claramente percebidos na construção civil. O setor fechou 25 mil vagas em fevereiro. "Tem influência, na medida em que serão repactuados esses contratos", disse. O ministro espera que o quadro melhore com o avançar das investigações e a assinatura de acordos de leniência com as empresas envolvidas.

Dias também avaliou que o resultado do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de fevereiro não foi excepcional, mas reverte uma expectativa negativa, quando comparado ao resultado de janeiro, que teve menos 81 mil vagas. "A perda de novos postos, em torno de 2 mil, demonstra estabilidade", avaliou o ministro.

Segundo ele, um dos fatores que provocaram o resultado é o ajuste fiscal promovido pelo governo, mas os setores vão reagir positivamente às medidas. Ele ressaltou que não haverá cortes de programas de distribuição de renda.

O ministro informou ainda que espera uma melhoria nos dados da construção civil. Segundo ele, o MTE, através do FGTS, tem um orçamento de R$ 65 bilhões em 2015, que serão aplicados na construção de casas para a população de baixa renda. "Nesses primeiros dois meses de 2015, já foram contratados R$ 8,7 bilhões para a construção de 99 mil unidades. Isso representa a geração de emprego, de 285 mil novos postos", afirmou.

Situação do País

O professor doutor da Universidade de São Paulo e pesquisador da Fundação de Pesquisa e Desenvolvimento da Administração, Contabilidade e Economia (Fundace/USP), Luciano Nakabashi, comenta que o saldo negativo apontado pelo Caged no mês passado reflete a menor demanda e a queda nos investimentos no País. "A situação era esperada, porque a economia vem devagar desde 2013 e, em algum momento, isso iria bater no emprego. Isso só não ocorria por conta das políticas de estímulos à demanda", disse.

Segundo ele com a retirada dos "estímulos artificiais" de consumo pelo governo, setores como construção civil e comércio se retraíram e o impacto chegou ao emprego. O investimento para o consumidor são bens duráveis, como imóveis, e "esse cenário de retração na construção civil geralmente acontece em todas as recessões", exemplificou.

Nakabashi considerou o fechamento na construção civil mais impactante que a redução de 30.354 vagas do comércio, pelo fato de esse último setor ser o maior empregador da economia. No entanto, segundo o professor da USP, os dados mostram que o comércio também sente a perda de empregos em outros setores e já esgotou a capacidade de absorver a mão de obra dispensada por esses segmentos, como ocorria no passado.

Regiões

Ainda conforme o levantamento do MTE, no Sudeste, que geralmente lidera as contratações no País, o resultado do Rio de Janeiro influenciou no fechamento de 4.846 vagas formais em fevereiro no total. Já a Região Nordeste fechou 27.528 postos formais no mês passado, enquanto a Região Norte registrou 4.724 demissões no mesmo período.

A Região Sul abriu 23.902 postos formais, ao mesmo tempo que o Centro-Oeste registrou a contratação de 10.781 trabalhadores com carteira assinada no segundo mês de 2015. /Estadão Conteúdo


"Cbic"

 

COMPARTILHE!

Construction Agenda

october/2020

Filter Events

mon

tue

wed

thu

fri

sat

sun

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

27oct10:0012:00Reunião da Comissão de Política de Relações Trabalhistas - CPRT / CBIC10:00 - 12:00 Via Zoom

Partners and Affiliations

Partners

 
FENAPC
AEERJ – Associação das Empresas de Engenharia do Rio de Janeiro
Sinduscon-PB
Ademi – SE
SECONCI BRASIL
Sinduscon-Pelotas
Sinduscon-Porto Velho
Sinduscon-AM
ASBRACO
ADEMI – BA
ASEOPP
Sinduscon – Vale do Piranga
 

Click Here and check our partners

Affiliations

 
CICA
CNI
FIIC
 
Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme vaporesso diziizlepaylas betpark giriş betgaranti kolaybet oleybet diyarbakır escort escort istanbul escort izmir
X