Logo da CBIC

Agência CBIC

29/04/2015

Imóveis: sem sinalização de melhora

"Cbic"
29/04/2015

O Povo – Últimas – 29 de abril de 2015

Imóveis: sem sinalização de melhora

O cenário ainda é nebuloso para o setor imobiliário. De um lado, os consumidores mais cautelosos, com medo de realizar investimentos de longo prazo; de outro, o governo aumentando juros e atrasando os pagamentos dos repasses do programa Minha Casa, Minha Vida. Resultado: mais dificuldades para o consumidor adquirir imóveis (novos ou usados), principalmente para aquele de baixa renda.

O presidente do Sindicato da Construção Civil, André Montenegro (foto), confessa que a situação não está fácil e que as entidades da área não têm conseguido negociar com o governo as retiradas das travas que estão sendo impostas ao setor.

Até o momento não foi finalizado nenhum cronograma com as regras para os repasses do programa e algumas construtoras estão parando as obras. O pior de tudo é que até o momento não foi feita nenhuma sinalização de melhora.

NORDESTE 1

INTERESSE DE FUNDOS ESTRANGEIROS

A consultoria Deloitte confirma o interesse de investidores estratégicos e fundos estrangeiros em empresas nordestinas. O sócio da consultoria, José Emílio Calado, responsável pela região, afirma que há interesse em especial pelas áreas de saúde, varejo, educação, infra-estrutura e tecnologia da informação.

Com o câmbio do dólar girando em torno de R$ 3, as empresas nordestinas ficaram mais atrativas para os estrangeiros e negociações de empresas, principalmente do ramo hospitalar, são esperadas.

Emílio Calado explica que o mercado deve aguardar o fechamento de negócios na área. "Quem estiver organizado e com a contabilidade em dia encontrará boas oportunidades", acrescenta.

NORDESTE 2

ESTUDOS DE VOCAÇÃO

A Deloitte está iniciando no Nordeste o trabalho de avaliação da vocação de terrenos. A estratégia é a seguinte: o consultor analisa o espaço e vê qual o tipo de negócio destinado à área. José Emílio Calado diz que este modelo tem dado certo no Sudeste e começa a ser testado em Pernambuco e Ceará.

PREOCUPAÇÃO COM A VOLATILIDADE POLÍTICA

Os comitês de auditoria das empresas estão preocupados com as volatilidades econômica e política, que provocam risco operacional para as companhias. A consultoria KPMG fez uma pesquisa com 1.500 membros de comitês de 35 países. O levantamento deixou claro que o problema não ocorre apenas no Brasil, mas que os executivos nacionais estão mais preocupados com o assunto.

O Brasil ocupa a quarta posição no ranking dos mais preocupados. Dos executivos brasileiros consultados, 60% deles disseram que o principal desafio das empresas era a incerteza e a volatilidade econômica e política; em segundo lugar (41%), ficou o ambiente regulatório; e em terceiro lugar, com 24%, o risco operacional.

Há também uma preocupação maior com o gerenciamento dos principais riscos do negócio, além dos relacionados às demonstrações financeiras.

FIM DO CHÁ DAS CINCO

No Brasil, depois de todos os escândalos ocorridos, a participação dos conselhos das empresas deve ficar rigorosa. A relação de cordialidade comum com as diretorias pode ser posta à prova e acabar com as reuniões amistosas, que já chegaram a ser comparadas com um "chá de comadres". A participação de ex-conselheiros da Petrobras na CPI que investiga os escândalos na companhia mostra a importância de posicionamentos discordantes dentro do processo de avaliação de uma empresa.

COOPERAÇÃO ENTRE PAÍSES

O Ceará participa de ação do Projeto Sigame — Internacionalizar+. A iniciativa foi lançada inicialmente em Aveiros, Portugal, e é constituída de uma plataforma online para conexão entre investidores. Em 2013, grupos portugueses estiveram em Fortaleza divulgando a possibilidade de negócios e oficializando o projeto no Estado.

Hoje, na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), a partir das 14 horas, haverá uma reedição do encontro para promover a cooperação comercial entre os países de língua portuguesa.

SUCESSÃO FAMILIAR NA ENDEAVOR

A sócio-executiva do grupo Aço Cearense, Aline Ferreira (foto), é embaixadora da organização internacional Endeavor, que trabalha com estímulos a empreendedores. A empresária vai contar, em Recife, a sua experiência no projeto de sucessão familiar e governança corporativa para executivos. Aline Ferreira participa do CEO Summit Nordeste, que destaca empreendedores de todo o País.

MERCADO AQUECIDO

Os mercados de coaching e motivação de um modo geral continuam aquecidos em Fortaleza. Além dos palestrantes locais, já está agendada para o dia 12 de junho a vinda do médico psiquiatra Roberto Shinyashiki(foto). Ele participará do encontro que ganhou o nome de "Mestres do Sucesso — Mudando atitudes, superando desafios", que reúne celebridades do segmento.

As riquezas do mundo pertencem efetivamente aos que têm a audácia de se declarar seus possuidores"

Georges Duhamel  (1884-1966), escritor francês

RÁDIO 

 O POVO Economia da Rádio O POVO CBN (FM 95.5), a partir das 14 horas. Destaque para o quadro "Sobe e desce da economia", com o jornalista Nazareno Albuquerque.

Você pode assistir ao programa O POVO Economia também através do portal: http:// tv.opovo. com.br/opovoeconomia.


"Cbic"

 

COMPARTILHE!

Agenda de Eventos e Transmissões

Outubro/2020

Filtrar eventos

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Nenhum evento

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
Sinduscon-PA
Sinduscon-Oeste/PR
ADIT Brasil
ASBRACO
Sinduscon Chapecó
Sinduscon-AM
FENAPC
Sinduscon-AP
Sinduscon-DF
Sinduscon-Porto Velho
ASSECOB
APEMEC
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 
Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme vaporesso diziizlepaylas betpark giriş betgaranti kolaybet oleybet diyarbakır escort escort istanbul escort izmir
X