Logo da CBIC

CBIC`s Agency

26/05/2014

Estabilidade na construção civil no Estado

"Cbic"
26/05/2014

Diário do Nordeste

Estabilidade na construção civil no Estado

Em abril, segundo a sondagem da CNI, o indicador de atividade ficou em 45,4 pontos, frente a 47 pontos registrados em março FOTO: BRUNO GOMES

 Brasília/Fortaleza.  Enquanto a atividade da construção civil é considerada estável, no Estado, pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil do Ceará (Sinduscon-CE), em âmbito nacional, o setor continua com baixo nível de atividade. Em abril, segundo a Sondagem Indústria da Construção, divulgada ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o indicador de atividade ficou em 45,4 pontos, frente a 47 pontos registrados em março.

 O índice continuou abaixo da linha divisória de 50 pontos. Pela metodologia da pesquisa, o indicador varia no intervalo de zero a 100, sendo que acima de 50 indica aumento, e abaixo significa queda da atividade.

 Quando comparado ao usual, o nível de atividade também aponta desaquecimento do setor. O indicador do nível de atividade efetivo em relação ao usual ficou em 42,6 pontos em abril. Em março, era 43,5 pontos. Segundo a CNI, o índice está abaixo da linha divisória dos 50 pontos pelo 24º mês consecutivo.

 Reflexos 

 O menor nível de atividade tem reflexos diretos no número de empregados e utilização de recursos produtivos. O indicador de evolução do número de empregados voltou a registrar queda em abril, ficando em 46,3 pontos ante 46,6 pontos de março.

 A Utilização da Capacidade de Operação (UCO) manteve-se estável, em 69%, pelo terceiro mês consecutivo. A CNI avalia que isso reflete "que a disponibilidade de recursos está diminuindo em linha com a redução na atividade".

 Essa desaceleração da atividade na indústria da construção tem reflexos no otimismo dos empresários do setor. Em maio, o indicador que mede a expectativa sobre o nível de atividade para os próximos seis meses ficou em 52,1 pontos, o menor nível desde o início da série, em dezembro de 2009. "Embora ainda estejam acima dos 50 pontos, todos os indicadores de expectativa recuaram em maio", destaca a pesquisa da CNI.

 "A indústria da construção continua a mostrar um cenário desfavorável e com baixo otimismo", destaca a CNI. A Sondagem foi feita entre 5 e 14 de maio, com 537 empresas, das quais 169 são de pequeno porte, 245 médias e 123 grandes.

 Estabilidade no Ceará 

 De acordo com o presidente do Sinduscon-CE, André Montenegro, a atividade da construção civil tem se mantido estável no Ceará, apesar de não continuar "no nervosismo de antigamente". "No último feirão da Caixa, foi vendido R,8 bilhão, isso significa que teremos muito a construir pela frente", explica o presidente.

 Por outro lado, a conclusão de algumas obras estruturantes, até o fim deste ano, deve motivar uma queda na atividade, segundo Montenegro.

 


"Cbic"

 

COMPARTILHE!

Construction Agenda

october/2020

Filter Events

mon

tue

wed

thu

fri

sat

sun

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

No Events

Partners and Affiliations

Partners

 
Sinduscon-PE
Sinduscon-CE
ADEMI – BA
ASSECOB
Sinduscon-Costa de Esmeralda
SINDUSCON SUL CATARINENSE
Sinduscom-VT
Sinduscon-SP
Ademi – PE
Sinduscon-SE
ADEMI-AM
Sinduscon-BA
 

Click Here and check our partners

Affiliations

 
CICA
CNI
FIIC
 
Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme vaporesso diziizlepaylas betpark giriş betgaranti kolaybet oleybet diyarbakır escort escort istanbul escort izmir
X