Logo da CBIC

Agência CBIC

20/08/2011

CBIC comemora resultados do Dia Nacional da Construção Social com mais de 248 MIL Atendimentos a trabalhadores do setor e familiares

A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e seus afiliados comemoram os resultados da quinta edição do Dia Nacional da Construção Social (DNCS), celebrado neste sábado, 20 de agosto. O evento deste ano alcançou mais de 248 mil atendimentos e beneficiou quase 62 mil trabalhadores do setor e seus familiares em 23 cidades brasileiras.

Foram expressivos os atendimentos nas áreas de lazer (84.624) e saúde (59.342). Já em relação aos serviços de educação e cidadania, os números foram de 31.591 e 3.038, respetivamente. No ranking geral, o estado que mais se destacou foi o Rio de Janeiro, com 27.473 atendimentos.

Para o presidente da CBIC, Paulo Safady Simão, o Dia Nacional da Construção Social é de fundamental importância para o setor. “É quando temos a oportunidade de reunir nossos trabalhadores e seus familiares. Para nós, é uma data feliz e de extrema importância”, disse.

Na Bahia, os serviços de saúde foram o destaque do dia, com mais de 3.508 atendimentos. Tendo como base o tema desta edição do DNCS, que é o cuidado com o meio ambiente como forma de promover a qualidade de vida da sociedade, os baianos fizeram a coleta seletiva do lixo recolhido durante o evento. O material será encaminhado à Campanha de Coleta Seletiva de PET e Latinha (Camapet), cooperativa de Salvador.

Também na capital baiana foram ministradas palestras sobre meio ambiente e distribuídas sementes de hortaliças. O ajudante prático Paulo Jesus da Silva, 36 anos, aproveitou para fazer o cadastro como doador de medula óssea. “Já doei sangue e resolvi ser doador de medula óssea. Posso ajudar quem está precisando”, afirmou. “Muita gente que trabalha na construção acha que estamos esquecidos, mas projetos como este fazem a diferença”, completou.

Silva e seus colegas e familiares ainda tiveram acesso a uma série de outros serviços, como medição da pressão ocular, vacinação, teste de hepatite C, assistência jurídica, consultas médicas, emissão de CPF e orientações de saúde bucal, entre outros.

Celebração pelo Brasil

No Rio Grande do Sul, o DNCS celebrou a geração de 8 mil novos empregos no setor da construção civil nos últimos meses – hoje já são 133 mil profissionais na área no Estado. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil no RS, Valter Souza, destacou o congraçamento entre patrões e empregados, o que, na sua visão, representa um efetivo avanço rumo à valorização dos operários e da responsabilidade social na área.

Na capital do Piauí, a novidade foi o 1º Passeio Ciclístico da Construção Social. “A iniciativa busca implementar, junto ao nosso trabalhador, a importância da prática esportiva para a manutenção da qualidade de vida. E também fortalecer a ideia de um meio de transporte não poluente, que é a bicicleta”, explicou a diretora social do Sinduscon-Teresina, Conceição Tenório.

Já em Goiás houve doação de mudas para quem participou do Dia Nacional da Construção Social. Um dos que levou sua planta para casa foi o técnico em Segurança do Trabalho, Willian Sobrinho dos Santos. Para ele, a saúde e a segurança no emprego estão intimamente ligadas ao cuidado e à preservação do meio ambiente. Santos disse ainda que na obra em que trabalha em Goiânia são promovidos constantes treinamentos sobre o assunto. “Também realizamos a correta segregação e destinação dos resíduos sólidos”, contou.

Em Minas Gerais a novidade do DNCS foi o concurso da Rainha e da Princesa da Construção Mineira 2011. As concorrentes desfilaram com trajes feitos de material reciclado e com elementos que faziam referência ao meio ambiente. Representante da Patrimar Engenharia, Aline Karen do Carmo, foi eleita a rainha da Construção Mineira 2011. O posto de princesa ficou com Evelyn Rubia Rodrigues Dias de Lima, que também trabalha no setor.

Ambas esperam ter contribuído para o incentivo à conscientização dos participantes da festa sobre o reaproveitamento e reciclagem de materiais. “Meu vestido foi feito com fibra de garrafa pet”, explicou Aline.  Já o traje da princesa foi confeccionado com colheres de plástico descartáveis e sacos de cimento.

Para Elza Pereira dos Santos, da Construtora Ápia, o evento foi uma oportunidade para conferir cidadania ao sobrinho Felipe Pereira dos Santos, 14 anos. Ele tirou a carteira de identidade e o CPF. “Agora ele é um cidadão”, comemora a tia. Outra que enfatizou a importância dos serviços foi a Márcia Antônia de Freitas, da Habit Engenharia. “É a primeira vez que venho ao evento e estou impressionada. É tudo gratuito e muito bem organizado”, disse.

Em Fortaleza, os participantes também eram só elogios à iniciativa. “Eu estou adorando! Fazia tempo que eu queria aprender artesanato com garrafas plásticas. E fiquei surpresa quando vi que estavam ensinando aqui. Estou participando do curso de capacitação para as mulheres. Do jeito que o homem bota força, a gente também consegue botar. E, se Deus quiser, vou arrumar um emprego de pedreira após o curso”, comemorou a aluna do Programa Mulher da Construção, do Sinduscon-CE, Francisca Vieira de Oliveira.

A família do pedreiro João Ribeiro Nunes aproveitou para fazer consultas e tratamento odontológico durante a ação realizada no Maranhão, além de cortar o cabelo, enquanto a esposa fazia um tratamento de limpeza de pés. “Estou muito feliz com esse evento que valoriza a gente que passa a semana no canteiro de obra. Só assim, a gente tem um tempo para tratar da saúde e outras coisas mais”, disse ele emocionado.

Coordenado pelo Fórum de Ação Social e Cidadania da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (Fasc/CBIC), o Dia Nacional da Construção Social foi realizado em 21 Estados e no Distrito Federal.  Esta é a quinta edição do mutirão de solidariedade, que teve como objetivo mobilizar os trabalhadores da construção e seus familiares, além dos empresários do setor, sobre o uso adequado dos recursos naturais, reciclagem e replantio.

O evento foi realizado em parceria com os Sinduscons (Sindicato da Indústria da Construção do Estado) e Seconcis (Serviço Social da Indústria da Construção) e contou com o apoio dos Serviços Sociais da Indústria (Sesi), Fórum dos Seconcis (Serviço Social da Construção Civil), além de entidades públicas e privadas. A ação social integra o calendário nacional da Confederação Nacional da Indústria (CNI). O patrocínio, em todo o país, é da Votorantim Cimentos.

 

COMPARTILHE!

Agenda de Eventos e Transmissões

Outubro/2020

Filtrar eventos

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

Dom

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

28Out10:0012:00Boas Práticas em Responsabilidade Social durante a pandemia - Experiências da Região Sudeste10:00 - 12:00 Via Zoom

28Out14:3016:30Seminário Técnico de Revisão do SINAPI - Rio Grande do Sul14:30 - 16:30 Via Zoom

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
Sinduscon-Mossoró
Sinduscon Chapecó
Sinduscon-AM
Sinduscon-Porto Velho
Sinduscon-GO
Sinduscon-CE
Sinduscon – Vale
Sinduscon-SM
Ademi – ES
Sinduscon-Pelotas
Sinduscom-NH
Sinduscom-SL
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 
Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme vaporesso diziizlepaylas betpark giriş betgaranti kolaybet oleybet diyarbakır escort escort istanbul escort izmir
X