Logo da CBIC

Agência CBIC

22/11/2012

CBIC CLIPPING

"Cbic"
22/11/2012

DCI Online/SP

 

CNI registra alta da confiança da indústria

BRASÍLIA – O mês de novembro está sendo marcado pela recuperação da confiança dos empresários da indústria. A conclusão é da pesquisa Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei), divulgada ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).



Jornal do Commercio Online/PE

 

A radiografia da construção civil
 

Em 2011, a cadeia produtiva da construção somou R$ 315,3 bilhões, ou seja, 8,9% do PIB nacional, e foram criados 31 mil novos postos de trabalho, segundo a Abramat e FGV.
 A cadeia da construção cresceu em ritmo mais lento em 2011, reflexo da crise internacional iniciada desde 2008. Apesar do cenário, a produção e a geração de renda e emprego na indústria de materiais e equipamentos para o segmento continuaram em elevação. É o que aponta o Perfil da Cadeia Produtiva da Construção e da Indústria de Materiais, estudo anual elaborado pela Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat) em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

"leia


O Estado de S. Paulo/BR

 

Editorial econômico

A decisão do governo de recorrer ao artifício previsto na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para reduzir o superávit primário em R$S 25,6 bilhões, correspondentes aos investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e do Programa Minha Casa Minha Vida, já havia sido anunciada. Tal possibilidade era, de fato, prevista na lei, mas trata-se de uma violência contábil, pois tais investimentos representam uma despesa efetiva que aumenta o déficit nominal do governo central, que será pago por meio de um aumento da dívida federal pública.

"leia


O Globo/BR

 

Desconto do PAC para atingir meta fiscal pode não ser suficiente

BRASÍLIA O abatimento de R$ 25,6 bilhões de investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) da meta de superávit fiscal primário para 2012, confirmado pelo governo, pode não ser suficiente. Integrantes da equipe econômica não descartam um ajuste adicional para que o país feche as contas do ano. Esta é a primeira vez que o governo Dilma Rousseff lança mão do desconto dos investimentos do PAC para cumprir a meta prevista na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

"leia


Valor Econômico/BR

 

Mesmo com estímulos, investimento não decola

A série de estímulos ao investimento já adotados pelo governo, entre eles forte redução do custo do capital no último ano, não foi suficiente para reanimar os empresários. Segundo cálculos de economistas, o consumo aparente de bens de capital voltou a recuar no terceiro trimestre, sempre na comparação com os três meses imediatamente anteriores, feitos os ajustes sazonais. É um indício forte, afirmam, de que a Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF, medida das contas nacionais do que se investe em máquinas e equipamentos e na construção civil) caiu entre julho e setembro, o que marcará o quinto trimestre consecutivo de retração dos investimentos.

"leia




"Cbic"

 

COMPARTILHE!

Agenda de Eventos e Transmissões

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
AEERJ – Associação das Empresas de Engenharia do Rio de Janeiro
Sinduscon-TO
Sinduscon-SF
Ademi – PR
SECOVI-SP
Sinduscom-NH
Sinduscon-TAP
APEOP-PR
Sinduscon-Costa de Esmeralda
SECOVI-PR
Sinduscon-BA
FENAPC
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 
X