Logo da CBIC

CBIC`s Agency

08/05/2015

Caixa revê crédito a imóveis após poupança perder R$ 7 bi

Foco será atender financiamentos já acertados e clientes do banco

Poupança perde mais R$ 5,85 bi em depósitos em abril, no pior resultado para o mês desde 1995, segundo BC

A Caixa Econômica Federal perdeu no primeiro trimestre R$ 7 bilhões em recursos da poupança, principal fonte de financiamento da habitação no país, e decidiu rever a concessão de empréstimos dentro do Sistema Financeiro da Habitação (SFH), especialmente para novas obras e imóveis usados.

Diante de recursos escassos, a prioridade será cumprir os empréstimos já contratados pelas construtoras, incluindo eventual promessa de financiamento aos clientes desses empreendimentos.

Todos os demais projetos que contam com recursos da poupança deverão ser suspensos, segundo fontes do banco e da construção.

As restrições aos financiamentos foram comunicadas à Cbic (Câmara Brasileira da Indústria Imobiliária) em reunião na quarta (6).

Duas construtoras de São Paulo, segundo a Folha apurou, já tiveram suspensos os financiamentos que estavam praticamente acertados.

JUROS MAIS ALTOS

Desde segunda (4), a Caixa passou a financiar só 50% dos imóveis usados. Neste ano, o banco subiu duas vezes os juros dos financiamentos com recursos da poupança, levando os demais bancos a elevarem suas taxas.

O Banco do Brasil também reajustará, a partir do dia 18, o piso das taxas do financiamento imobiliário de 9,9% ao ano mais a TR (Taxa Referencial) para 10,4% mais TR.

Os demais bancos não informaram se vão alterar as taxas para imóveis.

Procurada, a Caixa confirmou que tem restringido os novos empréstimos imobiliários com dinheiro da poupança, mas afirmou que priorizará os recursos existentes para financiar os clientes com histórico de relacionamento com o banco.

"A Caixa esclarece que realizou ajustes nas taxas e cotas das operações no último mês de abril. Assim como os demais bancos, a Caixa teve impacto da redução da captação da poupança e da elevação da taxa Selic", afirmou, em nota.

POUPANÇA

No primeiro trimestre, o conjunto de cadernetas de poupança perdeu R$ 23,2 bilhões em depósitos.

Desse total, R$ 7 bilhões (30,2%) eram da Caixa. O banco estatal tinha 36% do total das poupanças brasileiras no final de 2014.

Em abril, a poupança perdeu mais R$ 5,85 bilhões em depósitos. Foi o pior resultado para o mês desde 1995, início da série histórica do Banco Central.

Segundo a Caixa, os programas de habitação popular, incluindo o Minha Casa, Minha Vida, não serão afetados pelo contingenciamento na concessão de financiamentos.

Isso porque esses programas recebem dinheiro do FGTS (fundo de garantia), que não teve perdas significativas nos depósitos./ Folha de S. Paulo

COMPARTILHE!

Construction Agenda

october/2020

Filter Events

mon

tue

wed

thu

fri

sat

sun

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

20octallday22allday1° Evento de Construções Sustentáveis da 9ª Fiema Brasil - Feira de Negócios, Tecnologia e Conhecimento em Meio Ambiente(All Day) Bento Gonçalves - RS

22oct17:0018:30Quintas da CBIC: LGPD e o Mercado Imobiliário17:00 - 18:30 Via Zoom

Partners and Affiliations

Partners

 
Sinduscon-SE
Sinduscon-Norte/PR
SECOVI- PB
Sinduscon-Extremo Oeste
Sinduscon-MT
APEOP-SP
Ademi – SE
Sinduscon Anápolis
FENAPC
SECOVI-PR
Sinduscon-BNU
Sicepot-RS
 

Click Here and check our partners

Affiliations

 
CICA
CNI
FIIC
 
Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme vaporesso diziizlepaylas betpark giriş betgaranti kolaybet oleybet diyarbakır escort escort istanbul escort izmir
X