Logo da CBIC

Agência CBIC

27/02/2012

Brasil à frente entre os Brics

"Cbic"
27/02/2012:: Edição 275

 

Folha de Pernambuco – Últimas Notícias/PE 27/02/2012
 

Brasil à frente entre os Brics

O Brasil tem as melhores condições para crescimento e as maiores perspectivas de aumento de renda per capita entre todos os Brics (grupo de países formado ainda pela Índia, China e Rússia). Isso é o que mostra o Índice de Condições de Crescimento (tradução livre de Growth Environment Score, ou GES, na sigla em inglês), criado por Jim O"Neill, o economista da Goldman Sachs que cunhou o termo Brics em 2001. No ranking do índice, o Brasil vem em primeiro lugar, seguido de China, Rússia e Índia. "O Brasil vai se manter na liderança de condições de crescimento e continuará à frente da China", disse O"Neill. "Acreditamos que a renda per capita do País (atualmente em cerca de US$ 13 mil) possa dobrar nos próximos dez a 15 anos, aproximando-se do nível de algumas nações europeias".
 Mas o economista, que hoje é presidente do conselho da Goldman Sachs Administração de Ativos, faz uma advertência: o "excesso de popularidade" do Brasil é uma ameaça. "O País é popular demais, especialmente sua moeda". Para O"Neill, será "inevitável", nos próximos anos, uma reversão da valorização do Real. "É muito raro que uma moeda desafie os fundamentos de longo prazo como o Real, que está valorizado demais".
 Segundo ele, é importante o governo brasileiro apertar a política fiscal para poder reduzir juros, o que diminuiria a atratividade do Real para investidores estrangeiros. Senão, pode haver uma correção caótica da taxa de câmbio. "Quanto mais perdurar esse real sobrevalorizado, mais fraca ficará a indústria".
 A equipe de O"Neill elabora o índice GES desde 2005, acompanhando 180 países em 13 critérios: inflação, deficit público, taxa de investimento, abertura comercial, penetração de celulares, de computadores, média de anos de estudo secundário, expectativa de vida, estabilidade política, cumprimento de leis e corrupção. O Brasil lidera os Brics porque, em algumas das variáveis mais difíceis – como corrupção, estabilidade política e educação -, o País tem pontuação melhor.
 O"Neill admitiu que a boa colocação do Brasil em corrupção e educação pode causar surpresa. "Uma maneira de interpretar isso é que os outros Brics são muito, muito fracos", afirma ele. Em contrapartida, o País vai muito mal em taxa de investimento sobre o Produto Interno Bruto (PIB) – 20%, de acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI) – e abertura ao comércio internacional, com a pior pontuação entre os Brics.
 E os outros Brics? A China precisa avançar muito em tecnologia e cumprimento de leis e regras; na Rússia, os pontos fracos são expectativa de vida, cumprimento de leis e corrupção; na Índia, corrupção, estabilidade política, educação e tecnologia precisam de grande melhora.
 Brasil Bebê morre antes do parto em hospital Incêndio destruiu 70% da base, diz Marinha Mais uma criança morre em acidente Cidadania Cartas Desnutrição crônica O Nordeste na Sapucaí Economia Aluguel de casas já para a Copa Assinatura de contrato pode prevenir problemas Brasil à frente entre os Brics Brasil quer usinas com vizinhos Comercialização recorde no Brasil Economista não crê em unidade política FGV dá suporte técnico a PPPs Indústria também começa a se planejar Ministério nega ?plano B? Organizações acusam País de imperialismo Pescados e azeites reforçam Páscoa Peugeot 308 tem missão de suceder 307 Propulsor EC5 é novidade XT 660Z Ténéré é nova aposta da Yamaha Esportes América perde a 10a no Pernambucano Carcará mantém liderança Clima tenso entre elenco e torcida Dupla quer repetir boa atuação Falhas se repetem e Sport fica no 1×1 Fluminense quebra tabus e é campeão Impiedoso, Santa massacra o Petrolina Mais uma brasileira se garante em Londres Náutico apresenta mais dois reforços para 2012 Os ?estrangeiros? comandaram a festa Palmeiras e São Paulo ficam no 3×3 Real Madrid vence; Messi salva Barça outra vez Serra Talhada cede empate no final Timbu de volta à vice-liderança Treinador espera maior evolução Vitória e Sport largam muito bem no Pernambucano Geral Andarilho é incendiado e morre "A Invenção de Hugo Cabret" ganha a noite do Oscar Grande Recife Bloco da Ressaca agita a Zona Norte Bomba do Hemetério em festa Confusão teria sido motivada após mudanças no presídio Corpo achado na BR-408 Famílias sem previsão de nova moradia Festa acaba em confusão Incêndio em Afogados destrói 60 barracos Motim no Aníbal deixa dois mortos Obra causa transtorno em Manepá Recife e Jaboatão sem água amanhã Surubim garantiu folia pós-Carnaval Suspeitos de tráfico são detidos "Todo mundo correu porque sabia que não ia conseguir" Planeta Dia de democracia e morte na Síria Farc anuncia libertação de reféns Mandela ?está bem?, diz ministra Países retiram funcionários Protestos contra Putin Policia Adolescentes apreendidos com drogas, armas e dinheiro Funcionário público é assassinado no Cabo Homem não identificado é encontrado morto na Várzea Mecânico executado no local de trabalho Pai-de-santo morto a golpes de martelo Quadrilha é presa após assalto Politica Alckmin sugere adiar as prévias em São Paulo No retorno da Alepe, o foco é na Segurança Rodovalho diz que Elias não fala a verdade Senado vota propostas dia 21 Temer reafirma candidatura de Chalita "O PT precisa parar de brincar de fazer política", diz líder da sigla na Câmara Programa Câmara Clara Elenco grava cenas do casamento de Amália e Rafael Filha de Zé Miguel Wisnik lança disco J-Lo levará dançarino brasileiro para os EUA Obra de Moreira da Silva reunida em duas caixas Publicação dedicada ao cinema chega ao Brasil

"Cbic"

 

COMPARTILHE!

Agenda de Eventos e Transmissões

Parceiros e Afiliações

Parceiros

 
AELO
Sinduscon-JP
Sinduscon-Caxias
Sinduscon PR – Noroete
Sinduscon-Vale do Itapocu
Sinduscon-BC
Sinduscon-TAP
Sinduscon Chapecó
Aconvap
Sinduscon-Teresina
ASBRACO
Ademi – ES
 

Clique aqui e veja todos os parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 
X