Logo da CBIC

AGÊNCIA CBIC

21/03/2024

Papo de Líder debate inovação e qualidade no setor da construção

Na última quarta-feira (20), foi realizado o quarto encontro do “Papo de Líder” de 2024, promovido pela Comissão de Responsabilidade Social (CRS) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC). O projeto visa expandir o conhecimento dos membros do grupo CBIC Jovem e fomentar uma maior integração entre a equipe e os líderes das comissões da entidade. O encontro teve debateu normalização técnica, projetos, tecnologia e inovação. 

A Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (COMAT) da CBIC, presente no encontro, coordena e desenvolve ações para buscar soluções no campo dos materiais, sistemas construtivos; equipamentos e serviços, visando iniciativas que resultem na melhoria produtividade, da gestão da qualidade e da inovação tecnológica para as empresas da construção. 

O vice-presidente da COMAT, Dionyzio Klavdianos, cita a importância do projeto PBQP-h para a garantia de qualidade nas construções de habitações sociais. “O PBQP-h talvez seja o projeto nível federal mais longevo que se tem na história recente. É o Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade no habitat. Muito importante, principalmente, para garantir a qualidade e o desempenho das construções de habitações sociais. Isso porque uma empresa que precisa de financiamento público e praticamente a totalidade, que se envolve com construção de habitat social, caso do Minha Casa, Minha Vida, precisa de certificação nível PBQP-h”, destacou. 

Klavdianos apresentou outro projeto importante para a CBIC, o Construção 2030. “A CBIC com base em um processo criado pela Universidade de Stanford, criou um cenário que a gente achava que era factível para 2030. A gente tem a CBIC com uma série de parceiros, com uma série de pessoas relacionadas a universidades, instituto de pesquisa, construtoras e associações. Após a crise da pandemia, estamos retomando o projeto. Baseado em duas curvas S, onde o que é prioritário, o que é mandante hoje, passa a ser residual no futuro. E o que é apenas nicho de proeminência passa a ser dominante no futuro”, pontuou. 

O vice-presidente reforçou ainda que esses são os negócios que se espera para uma indústria da construção evoluída. “Está aí os dois tipos de negócios que a gente espera para a construção civil evoluída. O modelo de negócio orientado a projeto com transformação digital”, concluiu.  

O tema tem interface com o projeto “Responsabilidade Social na Indústria da Construção”, da Comissão de Responsabilidade Social (CRS/CBIC), com a correalização do Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional).

COMPARTILHE!

Maio/2024

Parceiros e Afiliações

Associados

 
Ademi – SE
Sinduscom-SL
Sinduscon-ES
Sinduscon-BC
Sinduscon – Vale do Piranga
AEERJ – Associação das Empresas de Engenharia do Rio de Janeiro
ADEMI – BA
Sinduscon-MT
SECONCI BRASIL
Sinduscon – Grande Florianópolis
Sinduscon-SP
Sinduscon-Norte/PR
 

Clique Aqui e conheça nossos parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 

Parceiros

 
Multiplike
Mútua – Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea