Logo da CBIC

AGÊNCIA CBIC

29/05/2024

Mercado de trabalho da construção continua registrando resultados positivos

xr:d:DAFaqZlDPfI:2,j:47060457232,t:23021517

Pelo quarto mês consecutivo, em 2024, a construção civil registrou resultado positivo em seu mercado de trabalho formal. Em abril, o setor criou 31.893 novos empregos com carteira assinada, dos quais 48,80% (15.564) foram na construção de edifícios, 33,61% (10.719) foram nos serviços especializados para a construção, e 17,59% (5.610) foram  nas obras de infraestrutura. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quarta-feira (29)

A economista da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Ieda Vasconcelos, destacou que em abril o setor contava com 2,889 milhões de trabalhadores, o que correspondeu a 6,22% do total de empregos formais no país (46,676 milhões). “A participação do setor, no número total de novas geradas (considerando todos os setores de atividade) foi de 13,29%”, apontou.

De acordo com a Sondagem Indústria da Construção, realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), com o apoio da CBIC, os empresários do setor permanecem otimistas para os próximos seis meses. “As expectativas são positivas para os lançamentos de novos empreendimentos, para a geração de novos empregos, para a compra de insumos e também para o nível de atividade. A tendência permanece positiva, mas isso não significa ausência de desafios, e a taxa de juros, ainda em patamar bastante elevado, é  um deles”, disse Ieda. 

Nos primeiros quatro meses de 2024 o setor da construção já gerou 141.428 novos empregos, também com destaque para a construção de edifícios, que foi responsável pela criação de 61.428 novos postos, os serviços especializados para a construção respondeu por 47.413 novas vagas e as obras de infraestrutura por 32.587. 

Do total de 141.428 novas vagas geradas pela construção, no período de janeiro a abril/24, 126.790 foram de homens e 14.638 de mulheres.  Desagregando as faixas etárias observa-se que 47,51% dos novos trabalhadores contratados têm até 29 anos, 25,03% estão na faixa dos 30 e 39 anos e 27,46% estão com 40 anos ou mais.

“O retrato do mercado de trabalho com carteira assinada corrobora com as expectativas positivas de crescimento da Construção Civil em 2024.  Conforme a última projeção da CBIC, realizada em abril/24, o setor deverá crescer 2,3% esse ano”, concluiu a economista.

COMPARTILHE!

Junho/2024

Parceiros e Afiliações

Associados

 
Sinduscon-SP
Sinduscon-TO
Sinduscon-Brusque
Sinduscon PR – Noroete
Sinduscon-Costa de Esmeralda
Sinduscom-NH
Sinduscon-JF
SINDUSCON SUL CATARINENSE
ANEOR
SINDICIG
Sinduscon-PR
Sinduscon-Pelotas
 

Clique Aqui e conheça nossos parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 

Parceiros

 
Multiplike
Mútua – Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea