Logo da CBIC

AGÊNCIA CBIC

26/10/2023

CBIC debate futuro do mercado imobiliário no Summit da Construção

O presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Renato Correia, e o vice-presidente Região Sul, Marcos Mauro, participaram nesta quinta-feira (26) do Summit da Construção Civil em Caxias do Sul/RS, onde discutiram a evolução e o futuro do mercado imobiliário, o valor da arquitetura no setor de incorporação e os impactos da reforma tributária.

Durante o evento também foi apresentada pesquisa inédita encomendada pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil de Caxias do Sul (Sinduscon Caxias) que mostra redução da oferta de imóveis em Caxias.

O estudo mostra que o volume de vendas de imóveis tem se mantido nos últimos anos, mas que o número de lançamentos nunca esteve tão reduzido. O levantamento foi realizado pela Brain Assessoria Empresarial.

Segundo a pesquisa, que mapeou o mercado imobiliário de Caxias do Sul, o número de unidade prediais verticais lançadas no primeiro semestre de 2023 teve uma redução de 47% em relação ao segundo semestre de 2022 – de 289 para 152 unidades. Quanto aos empreendimentos lançados, a queda assinalada foi de 50% nos mesmos períodos, de 10 para cinco empreendimentos. A pesquisa também analisou o Valor Geral de Vendas (VGV), e verificou uma diminuição de 36%, ou seja, foram R$ 122,7 milhões no primeiro semestre de 2022 para R$ 79,2 milhões no primeiro semestre deste ano.

Além disso, em junho de 2022 havia um acumulado de 1.701 lançamentos de unidades verticais para 1.572 vendas. Em junho de 2023 os números passaram para 472 e 1.434, respectivamente, ou seja, uma redução de 72% no número de lançamentos e de apenas 9% no número de vendas – oferta muito menor que a demanda.

Para a diretoria do Sinduscon Caxias, a queda percebida nos lançamentos está muito associada às dificuldades enfrentadas pelas empresas do setor nos últimos anos, seja pela alta taxa de juros, pela instabilidade da economia, excessiva burocracia na aprovação de empreendimentos, entre outros. Tudo isso desestimula os empresários do setor a investirem na cidade.

O Sinduscon está trabalhando fortemente junto aos poderes públicos na busca de soluções que agilizem os processos e revertam essa situação já no próximo ano.

Enquanto isso, a projeção que percebemos, vai ao encontro da pesquisa feita pela Brain. Com este cenário de diminuição nos lançamentos e de escassez de imóveis novos nos próximos anos, haverá, consequentemente uma valorização maior dos imóveis em geral.

(Com informações do Sinduscon Caxias)

COMPARTILHE!

Maio/2024

Parceiros e Afiliações

Associados

 
Ademi – SE
Sinduscon-RR
FENAPC
Sinduscon-JP
Sinduscon-Pelotas
Sinduscon-RO
Sinduscom-NH
Sinduscon-PR
AELO
Ademi – RJ
SINDUSCON SUL CATARINENSE
Sinduscon-PB
 

Clique Aqui e conheça nossos parceiros

Afiliações

 
CICA
CNI
FIIC
 

Parceiros

 
Multiplike
Mútua – Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea