Logo da CBIC
16/11/2021

Alunos do Sesi da Paraíba participam do Dia de Segurança e Saúde

Alunos do 8º e 9º anos do Ensino Fundamental e do 3º ano do Ensino Médio da Escola Sesi Dionizio Marques de Almeida, na cidade de Patos, tiveram uma aula diferente no dia 08/10, com a participação do técnico em Saúde e Segurança do Trabalho, Marcos Siqueira, que falou sobre a saúde e a segurança no ambiente escolar, e, de maneira didática, demonstrou a importância da prevenção.

Na palestra, Marcos Siqueira, que é técnico do Sesi na área de Segurança e Saúde no Trabalho (SST), mostrou para os alunos como simples atitudes podem colaborar com o bem-estar das pessoas, e evitar acidentes.

A ação foi realizada durante a programação da Semana CANPAT Construção, evento realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em parceria com o Sesi Nacional, o Serviço Social da Indústria da Construção Civil (Seconci) e o Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinducon-JP).

O técnico falou sobre a importância da programação no sentido de trazer reflexões a sociedade brasileira sobre a prevenção de acidentes no trabalho, e especificamente, a temática abordada no evento que é o Dia Nacional de Saúde e Segurança nas Escolas.

“É um tema importante para a vida da sociedade de uma forma geral, e para o mundo do trabalho, porque aborda algo que é fundamental no dia a dia das pessoas, e na atividade laboral delas independente do ramo de atuação, isso porque todas as profissões têm seus riscos, e os trabalhadores precisam de medidas de segurança e proteção. Os futuros profissionais, empreendedores e trabalhadores estão sendo preparados para chegarem ao mercado conscientes da importância da prevenção e, também, entendendo que a segurança impacta diretamente na rotina de uma empresa e na vida social”, explicou Marcos Siqueira.

Para a aluna Sarah Lord, do 9° ano do Ensino Fundamental, a programação trouxe uma nova compreensão de segurança, que será replicada com outras pessoas que convivem com ela.

“A palestra foi muito clara, conseguimos entender e nos conscientizar sobre a importância da prevenção. É muito importante a escola realizar esse tipo de evento, porque o conhecimento que nos proporcionou será essencial no nosso dia a dia, para que possamos disseminar essa conscientização com as pessoas que convivem com a gente. Também demonstra a preocupação que a escola tem com a nossa segurança, algo que é tão importante para a nossa vida hoje, como também no futuro quando estivermos no mercado de trabalho, como profissionais”, enfatizou.

Os professores da escola Sesi ressaltaram a importância da temática abordada com os alunos, um aprendizado que servirá por toda a vida deles, como por exemplo, no ambiente de sala de aula e nos corredores, terem a noção de como agir em caso de incêndios, saber usar o extintor, e as saídas de emergência.

“A segurança e a saúde no ambiente escolar, é muito importante, uma vez que aqui na nossa escola temos locais múltiplos, e cada um tem o seu padrão de funcionamento. Pensando enquanto professor de ciências e biologia é importante que nossos alunos tenham essa noção de biossegurança, que ao entrar em determinados ambientes, eles consigam ter a noção de que não podem tocar em alguns materiais, nem cheirar e abrir determinados frascos que contém substâncias tóxicas. Quanto mais bem informados nossos alunos estiverem melhor eles se sairão em uma situação crítica, seja em ambiente escolar ou na própria casa deles”, disse Pablo Silva, professor da disciplina de Biologia.

Já a professora de História, do Ensino fundamental II, Jessica Santos disse que “a importância de trabalhar esse tema com os alunos do ensino fundamental, é no sentido de orientá-los, em relação aos mecanismos que foram ensinados para que possam aplicar na vida cotidiana, na utilização em casa, para garantir a própria saúde da família, e deles, inclusive”, explicou.

Programação em Bayeux

Na cidade de Bayeux, a programação aconteceu na Escola Sesi Corálio Soares de Oliveira, onde Daniel Cordeiro, engenheiro de Segurança do Sinduscon-JP proferiu uma palestra sobre a prevenção de quedas, choques, soterramentos e risco de trabalho em altura, para os alunos do ensino médio.

A palestra seguiu um formato interativo e abordou vários tipos de acidentes que poderiam ser evitados com a atitude simples de se prevenir usando equipamentos de proteção individual e coletiva.

A estudante Natália Cordeiro falou sobre a palestra. “Gostei bastante, foi muito instrutiva, pois mostrou o risco em várias atividades e em nosso dia a dia. Com certeza depois dessa palestra nós vamos estar mais atentos e evitar assim nos expor a alguns riscos no trabalho ou na nossa vida cotidiana”, afirmou.

A professora de Química, Aline Araújo, falou que a palestra trouxe conhecimentos que serão úteis para todos da escola. “Essa ação é muito importante porque nós convivemos em situações que nos colocam em risco, e trazer esse conhecimento é muito interessante porque a educação faz com que nossos alunos e professores possam desenvolver hábitos preventivos aqui no ambiente escolar e em casa com nossos familiares.”

Durante a Semana CANPAT Construção 2021, aberta no dia 4/10, foram abordadas questões referentes à  prevenção de acidentes junto aos estudantes brasileiros, que serão agentes multiplicadores da prevenção nas escolas, em casa, nas ruas, e futuramente no trabalho, como empreendedores ou trabalhadores.

De iniciativa da Comissão de Políticas de Relações Trabalhistas (CPRT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), a Semana CANPAT contou com a participação de vários estados da federação, por meio das entidades associadas a CBIC, Seconcis e Sesis locais. Todos os painéis realizados de 4 a 7/10 estão disponíveis no canal oficial da CBIC no YouTube. Assista!

A ação tem interface com o projeto “Realização/Participação de/em Eventos Temáticos de RT/SST” da Comissão de Política de Relações Trabalhistas (CPRT) com correalização do Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional).

Agenda CPRT