Logo da CBIC
26/04/2022

CBIC apoia Construa Brasil para melhorar o ambiente de negócio no setor

Com a participação de representantes da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e de empresários e profissionais da cadeia produtiva da construção, o governo federal lançou oficialmente nesta terça-feira (26/04), durante evento da Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec/ME), em Brasília, o projeto Construa Brasil. A ação tem como objetivo melhorar o ambiente de negócio do setor da construção, retirando barreiras atuais e incentivando as empresas à modernização.

Para isso, foram estabelecidas metas relacionadas à convergência dos Códigos de Obras e Edificações, à melhoria do processo de concessão de alvará para construção, à difusão do Building Information Modeling (BIM) no Brasil, aos desdobramentos da Estratégia BIM BR e ao incentivo à coordenação modular e à construção industrializada.

Também foi lançado o site Construa Brasil e dois dos primeiros guias do projeto:

  • Guia Orientativo de Boas Práticas para Códigos de Obras e Edificações
  • Guia Orientativo de Boas Práticas para Obtenção de Alvarás de Construção

“O Construa Brasil surge no contexto de muita necessidade de resgatar a produtividade do setor da construção civil”, ressaltou a secretária de Desenvolvimento da Indústria, Comércio, Serviços e Inovação da Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Glenda Bezerra Lustosa.

O projeto tem nove metas, oito delas em andamento, e 31 submetas. “As metas estão estruturadas em três pilares: desburocratização, digitalização e industrialização”, frisou Glenda Lustosa.  

Ao declarar oficialmente lançado o projeto, a secretária especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Daniella Marques Consentino, ressaltou que o setor de construção certamente tem um papel muito importante para a atividade econômica, para a geração de empregos e para a retomada econômica como um todo. “É nesse contexto que a gente está aqui para se unir em um projeto, não só na proposta, mas também nos caminhos para desburocratizar, industrializar e digitalizar. Foi através da digitalização que a gente conseguiu combater a pandemia e sair da crise”, mencionou.

“A tecnologia, o BIM e a desburocratização são essenciais para que o setor da construção possa transformar a economia mais competitiva. É muito importante que estejamos mais eficientes a cada dia para que possamos, por meio da infraestrutura e do investimento, tornar uma economia mais pujante”, avaliou o presidente da entidade, José Carlos Martins, ao parabenizar a Sepec/ME pela iniciativa.

Dionyzio Klavdianos, presidente da Comat/CBIC

O presidente da Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (Comat), Dionyzio Klavdianos, reiterou o compromisso da CBIC com o projeto e desejou sucesso na implementação das suas metas.

O executivo ressaltou que produtividade, implantação de inovação, tecnologia, qualidade e melhor condição de vida para o trabalhador da construção civil são temas candentes para a construção civil. “A CBIC tem prestado importantes serviços ao setor. Temos uma série de temas afetos à inovação, especificamente na questão do BIM, que permeia quatro das oito metas do projeto”, disse.

Klavdianos apontou trabalhos da entidade sobre o assunto, como a Coletânea BIM da CBIC, base para muitos que começam nessa inovação, e o trabalho conjunto com o Senai na disseminação do BIM em todos os estados brasileiros para levar a cultura aos empresários da construção, seguido pelas ações do BIM Colaborativo.

Também participaram da cerimônia de lançamento:

  • Diogo Costa, presidente do Escola Nacional de Administração Pública (Enap)
  • Igor Cavelt, presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI)
  • Rodrigo Dias, diretor presidente da Rede Catarinense de Inovação (Recepeti)
  • Wilton Catelani, presidente do BIM Fórum Brasil

Dentre as lideranças homenageadas durante o evento e que estão à frente das metas do Construa Brasil:

  • Alessandra Beine, gerente de projetos da CHIS e da CII/CBIC e líder do Grupo Técnico Consultivo das Metas Convergentes dos Códigos de Obras e Edificações e de Melhoria do Processo de Concessão de Alvará
  • Wilton Catelani, líder da meta de Desenvolvimento do EAD de Capacitação BIM
  • Raquel Ribeiro, líder da meta de Difundir o BIM seus benefícios.

Quer saber mais? Confira a apresentação de resultados do programa Construa Brasil e conheça as propostas para modernizar no canal MP Streaming no YouTube.

Agenda CHIS