Logo da CBIC
10/07/2020

A disseminação do BIM para o novo ciclo 2020-2023

Uma reunião para avaliação das iniciativas realizadas pela Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade  (COMAT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), ligadas à disseminação do BIM, foi realizada no dia 9 de julho, com os associados que receberam o Road Show BIM da CBIC nos anos de 2017 à 1019. Entre eles, representantes das entidades Sinduscon-DF, Sinduscon-PA, Sinduscon-CE, Sinduscon-MT, Sinduscon-RS, Sinduscon-SP, SECOVI-SP, Sinduscon-PR, Sinduscon-ES, Sinduscon-Paraná Oeste, Sinduscon-PE, Sinduscon-BA e Sinduscon-RN.

No novo ciclo da gestão que começou neste mês de julho, o presidente da COMAT/CBIC, Dionyzio Klavdianos destacou  a importância do BIM. “Das inovações que estão acontecendo no setor, como tantas que o projeto Construção 2030 tem divulgado, o BIM é a mais palpável e que tem condições de ajudar a média e pequena empresa, a despeito da complexidade e dos custos envolvidos, vale a pena investir, ou seja, esta inovação está à frente de outros projetos que, enquanto entidade, pode-se desenvolver”, afirmou.

Nesta primeira reunião, foram contatadas as entidades que receberam o Road Show BIM CBIC, somadas a algumas especificas que na última reunião da COMAT fizeram o relato das ações em andamento em suas localidades.

O papel das entidades tem grande relevância na massificação do BIM em sua região, para que as empresas aprendam correto e tenham possibilidade de acelerar a velocidade do aprendizado, criando um ambiente de troca de experiências e de impulso do mercado regional.

Foi destacada a metodologia utilizada no projeto piloto “BIM Colaborativo” realizado no DF, durante 7 meses, em 2018/2019. E compartilhado os resultados da iniciativa e desdobramentos atuais no mercado da região. Os demais participantes puderam também relatar as experiencias das entidades e as expectativas para o futuro.

Segundo o líder do tema na COMAT, Paulo Sanchez, está sendo retomado o planejamento com o Senai Nacional para transformar a experiência piloto no Programa BIM Colaborativo, capacitando multiplicadores da metodologia. “O BIM Colaborativo fecha todo um ciclo entre você tomar um conhecimento do que são processo BIM, até você aplicar em um projeto”, afirmou.

A reunião marcou o início para a próxima fase da atuação do setor em favor da massificação do BIM. “Ideias como um Road Show promovendo o BIM Colaborativo ou um levantamento do atual estado da arte em BIM serão postas em práticas e o intercâmbio entre as entidades efetivados para disseminação das novas práticas”, destacou Klavdianos.

A iniciativa integra o projeto “Inovação e Tecnologia”, realizado pela CBIC, por meio da sua Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (COMAT), com a correalização do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional).

COMPARTILHE!

Agenda COMAT

Junho, 2024