Logo da CBIC
04/04/2018

Seminário Técnico da CBIC dissemina a empresários e representantes de órgãos públicos de São Paulo os resultados alcançados com a revisão do Sinapi

Em fase final de revisão, o Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (Sinapi) – referência na formação dos custos nas licitações públicas –, foi tema do seminário técnico realizado nesta quarta-feira (04/04) pela Associação para o Progresso de Empresas de Obras de Infraestrutura Social e Logística (Apeop-SP), em São Paulo, para empresários do setor de obras públicas e representantes de órgãos públicos de São Paulo.

Promovido pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), com a correalização do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e apoio da Caixa Econômica Federal, o Seminário Técnico de Revisão do Sinapi contou com a participação do engenheiro Geraldo de Paula, consultor da CBIC no Projeto de Revisão do Sinapi da Comissão de Infraestrutura (COP) da entidade; do gerente executivo do sistema na Caixa Econômica Federal, arquiteto Mauro Fernando Martins de Castro, e da engenheira Luciana Andrade Orçamentista, do Sinduscon-PE, que debateram as novas composições do Sistema e o detalhamento do Manual Técnico que indica regras e critérios para a elaboração de orçamentos de obras e serviços de engenharia, contratados e executados com recursos do Orçamento Geral da União (OGU), bem como recomendações que devem ser observadas pelas empresas na utilização do Sinapi.

A revisão do Sinapi vem sendo acompanhada desde o início (2013) pelo Grupo de Trabalho constituído por representantes da CBIC e da Caixa, gestora do sistema, e vem passando por uma profunda reforma, ampliando as composições unitárias e detalhando cada uma delas para que haja melhor compreensão dos orçamentistas. “Passo a passo, todos os lotes de composições que são revisados passam por uma discussão técnica no Grupo de Trabalho e só depois de aprovados são introduzidos no sistema”, destaca Geraldo de Paula. “Em fase final de revisão, entendemos que esse é o momento mais importante, o de fazer chegar ao mercado e aos contratantes – órgãos públicos de um modo geral – o pleno conhecimento do sistema agora revisado, com todas as ferramentas e mecanismos para que possam ser bem utilizados”, finaliza.

O seminário, que integra o projeto “Melhoria da Competitividade e Ampliação do Mercado da Infraestrutura” da COP/CBIC, com a correalização do Senai Nacional, já foi realizado em 20 cidades do País a fim de disseminar os resultados alcançados até o momento. A expectativa é de que também sejam realizados seminários em Belém (PA), Goiânia (GO), Cuiabá (MT) e Londrina (PR). Mais informações sobre o tema podem ser solicitadas pelo email da COP/CBIC: [email protected]

Agenda COINFRA

Agosto, 2022

X