Logo da CBIC
25/11/2021

“Caixa quer ouvir você” encerra rodada com a região Centro-Oeste

A Comissão de Habitação de Interesse Social (CHIS) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e a Caixa Econômica Federal realizaram, nesta quinta-feira (25), a última rodada do evento “Caixa quer ouvir você”, que teve foco na região Centro-Oeste. O objetivo dos encontros é aproximar o diálogo entre as equipes de atendimento da área de habitação junto às construtoras e incorporadoras associadas à CBIC.

Durante o encontro, o presidente da Comissão de Habitação de Interesse Social da CBIC, Carlos Henrique Passos, reiterou que o intuito é realizar um troca. “A Caixa se mostrou muito eficaz no ano passado, quando surgiu a pandemia. E, foi muito importante, trazendo respostas que permitiram ao mercado sobreviver e em um segundo momento, crescer.

O vice-presidente da Região Centro-Oeste da CBIC, Renato Correia, afirmou que é sempre um prazer poder conversar com a alta direção da Caixa e trocar ideias sobre os negócios. “Nosso negócio é muito comum e conjunto: fazer casas para as pessoas. A gente precisa ter isso em mente, para atender essas pessoas. Em especial, criar alternativas para as mais carentes nos segmentos econômicos. Eu sei que a Caixa vem atuando forte no SBPE também. Isso nos orgulha e nos motiva.”

Para o vice-presidente da CBIC, Eduardo Aroeira, elogiou a nova Trilha do Nível de Desempenho Técnico (NDT) e também sugeriu que os envolvidos no nosso processo recebam treinamento para atuação. Além disso, deu um feedback de que seria importante desburocratizar o financiamento via Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE).

Sobre o NDT, o gerente-executivo de Habitação da Caixa, Tiago Bernardi, explicou que, no primeiro momento, eles estão colocando a Trilha NDT para aqueles empreendimentos SBPE puro. “Ou seja, que as unidades sejam SBPE, e consequentemente, PJ também vai ser. Já no Incorpora Fácil, a gente tem a opção do Casa Verde e Amarela para aqueles empreendimentos que têm até 60 unidades.”

No final, o presidente da CHIS/CBIC destacou suas sugestões para melhorias nos processos. “Eu vejo dois assuntos: um é o problema de análise de crédito, que hoje a gente tem uma limitação de sociedade quando duas empresas são analisadas por critérios diferentes; outro é a primeira parcela de crédito quando se deixa demanda mínima. A minha sugestão foi a Caixa estudar a possibilidade de liberar como pessoa jurídica esse valor de pessoa física que ficou bloqueado, já que ela tem esse recurso. Tão logo seja liberada, ela amortiza no PJ e dá um fluxo de caixa na empresa”, concluiu.

Veja a estrutura de atendimento da construção civil para a região Centro-Oeste dentro da Caixa:

Os eventos têm interface com o projeto ‘Melhorias no Mercado Imobiliário’ da CHIS e CII da CBIC, com a correalização do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional).

COMPARTILHE!

Agenda CHIS

Janeiro, 2022

Dom

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

-

-

-

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Nenhum evento

X