Logo da CBIC
02/12/2021

Sistema de sensores de área garante economia de mais de R$ 86 mil    

Exemplo de solução original no canteiro de obra e ganho de produtividade relacionado a sistemas construtivos, o case Blue Sensor, da Tegra Incorporadora, foi apresentado aos membros da Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (Comat) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), no último dia 23/11.

A iniciativa vencedora da edição 2021 do Prêmio Produtividade do Mesmo Lado 2021, Categoria Votação Popular, da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), foi desenvolvida em razão do processo construtivo do Gabell Jardins, empreendimento formado por 27 pavimentos e 13.952,11m2 construídos.

“A ideia foi fruto de um planejamento de gestão de segurança no canteiro de obra”, destacou o gerente de Segurança da Tegra Incorporadora, Flavio Collado.

Segundo Flavio Collado, a fachada de módulos pré-fabricados ocasionava maior risco aos colaboradores, além de demandar grande parte do tempo da grua, que poderia ser usado para outras atividades.

Segurança em primeiro lugar

Para realizar toda a operação, garantindo redução dos riscos, produtividade, controle e avanço na obra, a Tegra desenvolveu como solução o Blue Sensor – sistema de sensores de área.

Por ele foi possível monitorar todos os prontos críticos de acesso ao plano de carga do empreendimento.

O sistema permitiu que o grueiro tivesse um espelhamento do plano de carga, onde alertava em tempo real qual o ponto de desvio. O ganho de efetividade foi de 40%.

Além disso, houve redução de 30 atividades de alto risco.

 Obra mais segura

A gestão de risco foi o que mais contribuiu para a realização do projeto, com ganhos em segurança e produtividade, com o avanço dos trabalhos de fachada e conclusão da obra.

Além disso, a iniciativa fez com que a empresa protegesse mais de 126 colaboradores.

Confira os resultados obtidos:

  • Eliminação do risco de acidentes envolvendo o içamento das placas da fachada pré-moldada
  • zero no índice da Taxa de Frequência de Acidentes com Afastamento (TFCA) da obra
  • Aprimoramento do controle do acesso à área delimitada pelo plano de carga da grua
  • Duas horas diárias de utilização de grua para outras atividades, como: organização, carregamento e descarregamento de materiais, limpeza e distribuição de materiais nos postos de trabalho
  • Redução do custo de equipe com quatro sinaleiros, essa redução no tempo total da obra teve uma economia de R$ 86.400,00

A iniciativa tem interface com o projeto “Inovação e Tecnologia na Indústria da Construção” da Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (Comat) da CBIC, em correalização com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional).

COMPARTILHE!

Agenda COMAT

Janeiro, 2022

Dom

Seg

Ter

Qua

Qui

Sex

Sab

-

-

-

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

Nenhum evento

-->
X