Logo da CBIC
21/01/2021

Entrevista – Plataforma permite análise de desempenho de edificações

A Plataforma de análise de desempenho acústico de edificações, da empresa Síntese Acústica Arquitetônica, de Brasília, é uma das inovações do 23º Prêmio CBIC de Inovação e Sustentabilidade da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), 3º lugar na Categoria Gestão da Produção e Pesquisa e Desenvolvimento (P&D).

Para que todos tenham a oportunidade de conhecer mais sobre as inovações premiadas e examinar suas potencialidades, a Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (Comat) da CBIC retoma nesta quinta-feira (21) a divulgação das entrevistas com os representantes dos projetos vencedores desta edição, que poderão ser conferidas semanalmente.

A conversa de hoje é com a arquiteta Fabiana Curado Coelho, sócia do escritório.

Em entrevista exclusiva ao CBIC Hoje+, Fabiana Coelho abordou, entre outros, o benefício da inovação para a indústria da construção e como enxerga o futuro da sua inovação no setor.

Confira, com exclusividade, a íntegra a seguir:

CBIC Hoje+: Qual o principal benefício da inovação para a indústria da construção?

Fabiana Curado Coelho: A plataforma de análise de desempenho acústico congrega em um banco de dados informações sobre o desempenho acústico de edificações residenciais conforme a NBR 15.575 [Norma de Desempenho]. Ela permite realizar análise do comportamento de diferentes sistemas construtivos, comparativo de resultado da obra ou empresa com os resultados praticados no mercado, identificação de tendências de mercado e análise de médias de custos. Isso permite que o usuário, através desta ferramenta Big Data, invista em Business Intelligence utilizando um benchmarking de desempenho acústico.

 C.H.+: Qual foi a principal motivação em desenvolver seu projeto?

F.C.C.: A nossa proposta é facilitar a compreensão da informação técnica de acústica para construtor, possibilitando análises diversas sobre desempenho acústico dentro da sua empresa, através de parâmetros de comparação com o mercado. Assim possibilitando que as tomadas de decisões do construtor possua embasamento técnico para investir numa construção com melhor desempenho acústica com menor custo financeiro.

C.H.+: Como você enxerga o futuro da sua inovação na indústria da construção?

F.C.C.: Atualmente a plataforma apresenta apenas informação sobre desempenho acústico, mas essa pode ser ampliada para outras matérias como térmico, lumínico, durabilidade, estanqueidade entre outros requisitos da Norma de Desempenho. Além disso, a plataforma agrega para o setor a possibilidade de trabalhar/pensar desempenho a partir de uma Big Data, fomentando estratégias de gestão com o Business Intelligence e a criação de benchmarks de desempenho, aproximando o setor das ferramentas de gestão da Indústria 4.0.

C.H.+: O maior desafio para inovar, de forma sustentável, na indústria da construção no Brasil?

F.C.C.: Para inovar na área da gestão de produção e pesquisa e desenvolvimento o maior desafio é promover a mudança da cultura de gestão da informação dentro das empresas. A produção de dados na construção civil não é tão veloz ou informatizada quanto a de outras indústrias, mas isso não significa que o dado não exista e que ele não tenha valor, há um trabalho extra para reuni-lo e organizá-lo, mas que é compensado pela capacidade inserção da gestão da construção civil na era da informação.

C.H.+: O que significa receber o Prêmio CBIC de Inovação e Sustentabilidade?

F.C.C.: A premiação é o reconhecimento de que o nosso trabalho contribui para o desenvolvimento do mercado e da qualidade da construção civil brasileira, além de ser se apresentar como uma oportunidade de implementação efetiva e crescimento da plataforma de análise de desempenho.

A cerimônia de premiação, com apresentação da Orquestra Sinfônica de Brasília, está disponível no
Canal da CBIC no YouTube
 e na plataforma do 92º Encontro Nacional da Indústria da Construção (ENIC).

A 23ª Edição do Prêmio CBIC de Inovação e Sustentabilidade integra o projeto ‘Inovação e Tecnologia’, realizado pela CBIC, por meio da sua Comat, com a correalização do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional).

Confira, a dos demais premiados:

Entrevista – Construção rápida garante assertividade no prazo e custo final do empreendimento

 

Agenda COMAT

Fevereiro, 2023

X