Logo da CBIC
06/03/2018

Política de Ciência, Tecnologia & Inovação para o setor da construção

Em maio de 2018, a Câmara Brasileira da Indústria de Construção (CBIC) e a Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído (ANTAC), com a correalização do Senai Nacional, finalizaram um documento com as estratégias para a formulação de uma política de Ciência, Tecnologia e Inovação (C,T&I) para a indústria da construção. A fim de analisar os resultados dessa iniciativa nos últimos cinco anos, bem como definir novas ações, foi realizado um workshop de priorização e desdobramento das estratégias para a formulação de política de C,T&I para o setor.

No encontro, as 19 linhas de pesquisa do documento foram agrupadas em quatro eixos de desenvolvimento – Produtividade, Desempenho, Sustentabilidade e Construção 4.0 (este último uma novidade) –, os quais contam com quatro eixos de abordagem: gestão, materiais e componentes, processos construtivos e integração digital. Além da revisão dos principais tópicos do texto, foram estabelecidas ações de curto, médio e longo prazo; e sugeridas algumas possibilidades de parcerias entre academia e construtores, assim como projetos em conjunto. Dentre as ações futuras, estão o estímulo a cursos de educação a distância (EaD) e a realização de um workshop “Construção 4.0” no segundo semestre de 2018.

“A reavaliação da política de C,T&I era necessária dada a evolução rápida por que passa o mundo, especialmente nos últimos anos. A construção civil não pode ficar atrás; e as transformações só serão efetivas se houver interação entre academia, ANTAC e o setor produtivo da construção. Essa ação para a CBIC é complementar a outras que desenvolve em favor da inovação, como a disseminação do BIM e do foresight, e as oficinas de pensamento do futuro”, afirma Dionyzio Klavdianos, presidente da Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade (Comat) da CBIC.

Reunindo os participantes das oficinas anteriores para a revisão do documento, o workshop aconteceu no final da última semana, na sede do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal (Sinduscon-DF). A nova proposta será apresentada no 90º Encontro Nacional da Indústria da Construção (Enic), a ser realizado no mês de maio em Florianópolis/SC. O documento final apresentará os desafios de implantação para cada eixo de desenvolvimento, destacará a importância da disseminação da cultura de Construção 4.0 e ligará as demandas atuais do setor com o conteúdo do texto anterior. A ação está contida no projeto “Tendências e Melhorias de Gestão, Tecnologia e Inovação na Construção”, uma iniciativa da CBIC e do Senai Nacional.

COMPARTILHE!

Agenda COMAT

Junho, 2024