Logo da CBIC
18/11/2021

Estudantes do 6º ao 9º ano de MT celebram ação prevencionista

Com o intuito de levar uma mensagem prevencionista aos estudantes do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental II de Mato Grosso, o Serviço Social da Indústria de Mato Grosso (Sesi-MT), com apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-MT), reforçou a ação do Dia Nacional de Segurança e Saúde nas Escolas em Cuiabá/MT, no dia 08/10.

A iniciativa atingiu as turmas do 6º ao 9º ano do Sesi Escola Várzea Grande e 8º e 9º anos do Sesi Escola Cuiabá e contou com o apoio das diretoras Rita Marques (Sesi Escola Várzea Grande) e Alessandra Hernandez Marangoni (Sesi Escola Cuiabá).

Sesi Escola Várzea Grande

A ação para os alunos do Sesi Escola Várzea Grande foi realizada das 8h30 às 9h30, no auditório do Senai-MT.

O desafio de promover a segurança e a saúde dos trabalhadores foi apresentado pelo engenheiro de Segurança do Trabalho, Paulo Camacho. Na ocasião, o engenheiro ressaltou a importância dessa segurança não ficar restrita aos trabalhadores. “Precisa ganhar novas dimensões, como no cotidiano dos nossos alunos, futuros trabalhadores”, disse.

Os alunos do 6º ao 9º ano tiveram a oportunidade de conhecer o histórico dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), desde as armaduras e elmos utilizadas por cavaleiros na Idade Média, passando pela Revolução industrial e a 1ª Grande Guerra Mundial. Momentos históricos marcantes onde se descobriu a incapacitação humana e a necessidade de elaboração de medidas preventivas e dos EPIs. Os estudantes também puderam experimentar os EPIs disponíveis no momento.

“Fiquei encantada com a palestra. A educação tem o poder de levar ao ser humano não apenas conhecimento, mas também valores. Percebemos a importância dos EPIs e como pequenas atitudes podem salvar vidas e evitar acidentes pequenos, como também acidentes graves. Parabéns ao Sesi pela oportunidade de mais um aprendizado significativo e um olhar para esse assunto”, destacou a aluna Ana Júlia Aragão, do 8º A.

Os professores presentes ressaltaram a construção do processo histórico em torno do uso do EPIs, associando ao processo de industrialização e seus impactos sociais. Momento de aprendizado significativo!

“Foi um evento muito bom, pois contribuiu para a formação dos nossos alunos no tocante à segurança e saúde. Os alunos interagiram bastante, trazendo questões pertinente ao seu dia a dia”, mencionou o professor Cacildo Nascimento.

Segundo ele, eventos como esse enriquecem bastante o cotidiano escolar, pois mostram que é preciso ter muita atenção e cuidado em nossas atividades. “Às vezes fazemos coisas e não damos muita atenção, porém são atividades que podem colocar a nossa saúde e segurança em risco, desde bater um prego até limpar uma casa”, frisou Cacildo Nascimento.

Ainda segundo o professor, durante o evento foi possível observar que as atividades relacionadas à saúde e segurança e o seu processo evolutivo estão relacionadas aos conteúdos escolares, sobretudo quando se faz um link com os componentes curriculares de Geografia e História. “Trazer essa temática que já estabelecida por lei para as escolas e trabalhar com os nossos alunos, é contribuir para formação de cidadãos responsáveis e consciente do seu papel social”, reforçou.

Sesi Escola Cuiabá

Também com uma hora de duração, das 10h30 às 11h30, a ação no Sesi Escola Cuiabá foi direcionada aos alunos das turmas dos 8º e 9º anos do Fundamental II e teve como mote “Saúde e segurança nas escolas”.

Nela, o engenheiro Paulo Camacho, especialista em segurança do trabalho, apresentou informações claras e práticas sobre o uso de equipamento de proteção coletiva e individual, aparelhos eletrônicos e limite de tolerância de ruídos para prevenção de riscos à saúde.

“A palestra foi ótima e interativa, abordando um assunto importante, para a saúde e segurança em nosso dia a dia, de forma ilustrativa, divertida, com brincadeiras e práticas de ação preventiva, proporcionando experiências que me fizeram entender o propósito da palestra. Sou aluno do Sesi Escola desde o Fundamental I e amo todas essas experiências que trazem para os alunos”, ressaltou o estudante Carlos Eduardo Corrêa Silva, 14 anos, 9° ano B.

“A palestra foi interessante, o engenheiro Paulo interagiu com todos! Fez brincadeiras e comentários engraçados envolvendo os alunos! Foi bem lega! Ele falou sobre os riscos e acidentes que podemos enfrentar no trabalho, em casa, na escola e em todos os ambientes que estivermos. Refletiu sobre a necessidade de usar equipamentos de segurança individual”, completou o aluno Leonardo Vieira Melo Destro, 14 anos, 9º ano A.

“Verifiquei que os alunos participaram ativamente da atividade proposta e conseguiram absorver os conhecimentos transmitidos, assim como nós professores adquirimos mais informações e orientações sobre a nossa atuação com relação a prevenção de acidentes no ambiente de trabalho”, salientou a professora Sebastiana Lopes da Fonseca.

O Dia Nacional de Segurança e Saúde nas Escolas integra a Campanha Nacional de Prevenção de Acidentes na Indústria da Construção (CANPAT Construção 2021) e foi realizado durante a Semana CANPAT da Construção.

De iniciativa da Comissão de Políticas de Relações Trabalhistas (CPRT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), a Semana CANPAT contou com a participação de vários estados da federação, por meio das entidades associadas a CBIC, Seconcis e Sesis locais.

Todos os painéis realizados de 4 a 7/10 estão disponíveis no canal oficial da CBIC no YouTube. Assista!

A ação tem interface com o projeto “Realização/Participação de/em Eventos Temáticos de RT/SST” da Comissão de Política de Relações Trabalhistas (CPRT) com correalização do Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional).

Agenda CPRT