Logo da CBIC
18/10/2021

Enic: Marketing Digital exige definição correta de métricas

Importância do treinamento e o uso da tecnologia são fundamentais para o sucesso das vendas no mercado imobiliário

Além de alcançar o cliente com mais precisão, o marketing digital estratégico permite reduzir o valor gasto para se fazer negócios. O assunto foi debatido no painel Marketing Digital e Custos de Vendas no Mercado Imobiliário, realizado nesta segunda-feira (18), durante o 93º Encontro Nacional da Indústria da Construção (Enic).O vice-presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Fausto Echer, debateu as melhores técnicas de marketing digital com a CEO da DNA de Vendas, Lúcia Haracemiv; o CEO do Construtor de Vendas; Fábio Garcez, e o diretor de Marketing do Grupo Brasil Brokers, Guilherme França Blumer.

Um dos pontos mais discutidos durante o painel foi a importância do desenvolvimento da equipe de pré-atendimento para o resultado das vendas de imóveis. Nesta etapa do processo é possível se captar os melhores leads, que são os clientes em potencial, e avaliar os melhores canais e campanhas para o sucesso do projeto.

Lúcia Haracemiv ressaltou que quanto mais rápida for a equipe de Sales Development Representatives (SDR), que captam os dados do consumidor e fazem o primeiro contato, melhores serão as vendas. “A resposta ao cliente que se cadastra deve acontecer em até 10 minutos. Você tem que pegar o cliente enquanto ele ainda está navegando pelo site. Isso melhora muito a experiência dele enquanto escolhe o imóvel”, enfatiza.

Blumer acrescentou que essa velocidade no contato com o cliente é indicador de competência da empresa. “Ao atender rapidamente, as chances de ganhar aquele consumidor da concorrência é muito maior”, disse. “Além das pessoas do atendimento, é fundamental que o líder acompanhe todo esse processo”, completou Lúcia.

Métricas de marketing

Além da capacitação e da velocidade no primeiro atendimento, a definição das métricas corretas para cada fase do projeto também foi debatida no Enic. “Não existe uma metodologia ideal para todos os empreendimentos. Cada planejamento deve definir a mais adequada”, recomendou Garcez. Para isso, destacou ele, é necessário treinar as equipes e os corretores, “que são peças fundamentais também para a coleta de dados e avaliação das métricas”.

“É impossível vender sem tecnologia”, completou Lúcia, ao comentar sobre a necessidade de acompanhar o desempenho do marketing e das vendas com os sistemas mais adequados. Fausto Echer, que coordenou o debate, apontou que o Custo de Aquisição de Clientes (CAC) varia de acordo com o tipo de produto e o segmento em que está inserido, demonstrando que não é possível se uniformizar as métricas de desempenho do marketing para todo o mercado.

O painel tem interface com o projeto “Melhorias para o Mercado Imobiliário”, da Comissão da Indústria Imobiliária (CII) da CBIC, em correalização com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional).

O 93º Enic é uma realização da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e conta com apoio do Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional), do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional) e de entidades do setor, com patrocínio do Sebrae, OrçaFascio, Konstroi, Agilean, Brain Inteligência Estratégica, Mútua, Predialize e Roca, Sienge + Softplan, Aval, Softwareone, TK Elevators e Frontera.

COMPARTILHE!

Agenda CII

diciembre, 2021

dom

lun

mar

mie

jue

vie

sab

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

No hay eventos

-->
X