Logo da CBIC

Agencia CBIC

20/10/2021

Enic: Práticas em ESG do Sesi geram valor à indústria da construção

O ESG na prática foi o destaque desta quarta-feira (20/10) do 93º Encontro Nacional da Indústria da Construção (Enic), na oficina que tratou das ações do Serviço Social da Indústria (Sesi) para a geração de valor na indústria da construção. A iniciativa foi coordenada pelo presidente da Comissão de Política de Relações Trabalhistas (CPRT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Fernando Guedes Ferreira Filho. 

Com muitos anos atuando na Agenda de Saúde e Segurança, o Sesi conta, entre outros projetos, com a Plataforma Viva + do Sesi, que visa facilitar o processo de gestão de segurança e saúde para as empresas. Segundo a gerente executiva de Saúde e Segurança do Sesi-SC, Sendi Locks Lopes, além de gerar um painel de informações e indicadores, a ferramenta garante apoio à tomada de decisões das empresas na gestão de SST.

Sobre a questão da economia andar de costa para a saúde, a gerente executiva de Saúde e Segurança do Sesi-SC, Sendi Locks Lopes, ressaltou que essas agendas (saúde e segurança) são interdependentes. “Não existe boa economia sem saúde e boa saúde sem boa economia”.

Sendi Lopes lembrou que ESG representa as questões ambientais (eficiência energética, energias renováveis, controle de emissão de carbono, gestão de resíduos), de governança (ética, transparência, compliance) e sociais da incorporação. 

Quanto à indústria da construção, apontou o avanço no setor nos últimos anos e a preocupação das empresas em terem cada vez melhores processos de gestão de saúde e segurança dentro dos seus canteiros de obras,  com atenção  aos trabalhadores, proporcionando ambientes salutares para realização das atividades laborais.

O presidente da CPRT/CBIC salientou que o cumprimento de compliance trabalhista, das obrigações trabalhistas, especialmente das normas de saúde e segurança, é um parâmetro ESG fundamental a ser considerado.

Já o consultor especialista em Sistema de Gestão do Sesi-BA, Daniel Côrtes, apresentou a metodologia e Sistema de Gestão Integrada desenvolvida pelo Sesi, que criou uma ferramenta faseada com quatro níveis de implantação do ESG, de acordo com a maturidade das empresas.

“Para operacionalizar o processo de ESG é preciso fazer um diagnóstico: entender aonde a empresa quer chegar, qual o compromisso em relação às questões ambientais, sociais e de governança, e onde ela está”. Ressaltou ainda que ESG se faz com cooperação, dentro da atividade fim da organização. “Só se consegue implantar sistema de gestão junto com os trabalhadores”, frisou.    

Experiências bem-sucedidas em parceria com o Sesi

A empresa Pascholotto IGT, com atuação em Santa Catarina e foco em desenvolvimento de grandes empreendimentos verticais em áreas nobres do litoral catarinense, tem obtido bons resultados na gestão da Saúde Ocupacional com apoio do Sesi.   

Segundo Eduardo Schmidt, da Pascholotto IGT, como as obras da empresa envolvem um enorme desafio de segurança, em razão da altura e da complexidade de quebrar novos recordes de altura, sem um sistema de gestão não seria possível atingir as metas e a qualidade nas questões de segurança no trabalho e cuidados com ações preventivas e orientativas.

“Temos um programa sério e responsável na área de treinamento e educação. Funcionário bem treinado e que entende dos riscos e do cenário que está envolvido trabalha melhor, é mais responsável e mais produtivo”, mencionou. 

Já Carla Passos, da empresa Gráfico, que atua na Bahia e em Pernambuco, comentou a experiência bem-sucedida sobre gestão e tomadas de decisão por meio dos indicadores de SST com apoio do Sesi, via Plataforma Sesi Viva+. “A empresa tem 11 canteiros em oito cidades diferentes, o que reforça a necessidade de ter um sistema de gestão integrada”, frisou.     

O 93º Enic é uma realização da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e conta com apoio do Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional), do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional) e de entidades do setor, com patrocínio do Sebrae, OrçaFascio, Konstroi, Agilean, Brain Inteligência Estratégica, Mútua, Predialize, Roca, Sienge + Softplan, Aval, Softwareone, TK Elevators e Frontera.

A oficina tem interface com os projetos “Realização/Participação de/em Eventos Temáticos de RT/SST” da Comissão de Política de Relações Trabalhistas (CPRT), “Desenvolvimento Sustentável na Indústria da Construção” da Comissão de Meio Ambiente (CMA) da CBIC e “Responsabilidade Social e Valorização do Trabalhador” da Comissão de Responsabilidade Social (CRS) da CBIC, com correalização do Sesi e Senai Nacional.

COMPARTILHE!

Agenda de la construcción

noviembre/2021

Filtrar eventos

lun

mar

mie

jue

vie

sab

dom

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

No hay eventos

Socios y Entidades Confederadas

Socios

 
Sinduscon Anápolis
Sinduscon-Norte/PR
Sinduscon-Oeste/PR
ADIT Brasil
Sinduscon Sul – MT
Sinduscon-MT
Sinduscon PR – Noroete
Sinduscon – CO
Sinduscon-JF
Sinduscon-Pelotas
Abrainc
Sinduscon-PE
 

Marque aquí y consulte a nuestros socios

Entidades Confederadas

 
CICA
CNI
FIIC
 
X