Logo da CBIC

Agencia CBIC

27/03/2015

Consumidor quer reformar casa, aponta pesquisa

"Cbic"
27/03/2015

Valor Online – 27 de março

Consumidor quer reformar casa, aponta pesquisa

Intenção de consumo em queda, atenção maior aos preços e procura maior por descontos. Esse é o cenário desenhado por uma pesquisa da Fecomércio do Rio de Janeiro sobre os hábitos do consumidor brasileiro, que aponta para um ano em que a prioridade é honrar com os compromissos já assumidos em vez de fazer novas compras. O resultado da pesquisa reforça a previsão da entidade de que o varejo terá um desempenho menos descolado da economia e deixará de crescer muito acima dos outros setores.

O preço, segundo a Fecomércio, é o fator que mais influencia a decisão de compra do brasileiro: 82,2% disseram que buscam, primeiro, o produto mais barato. E a procura por descontos tem aumentado. A economia em baixa, marcada por inflação e juros em alta, está levando as classes A e B a pesquisar preço, em detrimento da qualidade: 77,1% escolhem pela qualidade, 17,9% pela marca, e 12,1% querem mais conforto.

Na avaliação do gerente de economia da Fecomércio, Christian Travassos, "diminuiu o ímpeto para o consumo em geral. O consumidor está mais seletivo, aguardando as soluções para o momento. Quanto mais caro e menos essencial, mais fácil cortar", afirmou. "A piora não começou agora em 2015, o comércio já vem em uma desaceleração nos últimos três anos", completou o economista.

Segundo o estudo, a prioridade de consumo para os brasileiros em 2015 será reformar a casa. De acordo com a Fecomércio, 22,5% dos entrevistados responderam que querem dar um retoque em sua residência. A proporção, no entanto, é menor do que a registrada no ano passado, quando 23,7% responderam que dariam prioridade para a reforma da casa.

A crise hídrica e o forte aumento das tarifas de energia elétrica devem levar consumidores a lojas de materiais de construção para comprar caixas d'água mais eficientes e reconstruir a parte elétrica para tentar economizar na conta de luz. "2015 é o ano do quebra e arrebenta nas 54 milhões de casas que o IBGE diz que há no Brasil", avaliou o presidente da Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), Cláudio Conz. "Já que vai trocar a caixa d'água, aproveita e troca também o piso, azulejo e outras coisas", completou.

Apesar da queda da indústria da construção civil, com empreiteiras demitindo trabalhadores, "o mundo do varejo está indo muito bem", segundo Conz. "Com a retração das construtoras, há uma sobra maior de mão de obra e isso facilita a contratação para reformas menores", afirmou o presidente da Anamaco.

Mesmo com um ano mais fraco que 2014, o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat), Walter Cover, acredita que a vendas do varejo devem substituir parte do atacado. "As famílias vão ter que fazer escolhas. Nós acreditamos que agora é o momento de ocorrer a reforma que já foi adiada".

O levantamento realizado em 70 municípios, de diferentes regiões, em parceria com o instituto Ipsos, mostra ainda que outros 14% pretendem comprar um carro e 12,5%, eletrodomésticos. De acordo com o economista Christian Travassos, a retirada de incentivos [como o aumento do Imposto sobre Produtos Industrializados] para a venda de eletrodomésticos causou forte impacto no consumo. "A boa notícia é que estamos na direção para consertar [a economia]", disse.

A pesquisa sobre o comportamento do consumidor mostrou também que a televisão ainda é o principal meio de comunicação para tomar conhecimento sobre promoções realizadas pelo comércio. Apesar do maior espaço conquistado, a internet ainda tem pouca participação na propaganda do setor: apenas 8,5% dizem usar o veículo para saber das promoções. Mil pessoas foram ouvidas no levantamento.


"Cbic"

 

COMPARTILHE!

Agenda de la construcción

mayo/2021

Filtrar eventos

lun

mar

mie

jue

vie

sab

dom

-

-

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

No hay eventos

Socios y Entidades Confederadas

Socios

 
Sinduscon-Costa de Esmeralda
Assilcon
FENAPC
Sinduscon-MT
SECOVI- PB
ASEOPP
Ademi – RJ
Sinduscon Anápolis
Sinduscon-DF
Sinduscon-Porto Velho
Sinduscon-RIO
Sinduscon-PB
 

Marque aquí y consulte a nuestros socios

Entidades Confederadas

 
CICA
CNI
FIIC
 
yabancı film izle Tekne Kiralama betboo karın germe Estetik Ankara özel kurtaj meme büyültme retrobet vaporesso supertotobet Marsbahis maltcasino redwin vdcasino vdcasino giriş vdcasino sorunsuz giriş vdcasino yeni giriş Venüsbet betpark giriş betgaranti kolaybet diyarbakır escort escort istanbul mersin escort mecidiyeköy escort
X