Logo da CBIC

Agencia CBIC

12/08/2011

83º Enic: Avaliação Ambiental de Edifícios é tema de Comissão do Meio Ambiente no evento

O uso e os avanços da Avaliação Ambiental de Edifícios no país foi tema do segundo debate da Comissão do Meio Ambiente (CMA), que ocorreu ontem, dia 11 de agosto, durante o 83° Encontro Nacional da Indústria de Construção (Enic). Participaram da discussão a professora doutora da Unicamp, Vanessa Gomes, o gerente nacional de meio ambiente da Caixa Econômica Federal, Jean Benevides, o gerente de desenvolvimento tecnológico da Tecnisa, Mauricio Bernardes e o presidente do SinduscCon-RS, Paulo Vanzetto Garcia.

No encontro foram debatidos temas como a importância das práticas de avaliação ambiental no país, as certificações criadas pela Caixa Econômica Federal para promover as construções habitacionais sustentáveis e o case Etiquetagem de Eficiência Energética – PROCEL Edifica, implantado pela construtora e incorporadora Tecnisa.

A atuação crescente do Brasil na classificação, certificação e etiquetagem dos edifícios planejados e construídos no país, que o torna pólo de exportação de novos modelos de sustentabilidade para o exterior, foi destacada por Vanessa Gomes. Segundo a professora, "a avaliação ambiental torna-se cada vez mais crucial para o setor de construção potencializar o seu desenvolvimento, já que ao adotar políticas de melhorias dos edifícios, as construtoras podem oferecer um produto mais econômico para o seu público".

A oferta de instrumentos para certificar as construções de até seis salários mínimos pela Caixa Econômica Federal também foi abordada no debate por Jean Benevides. O gerente apresentou os programas Selo Caixa Azul, Ação Madeira Legal e Aquecimento Solar de Água, "que incentivam as construtoras e incorporadoras a adotarem diversas ações sustentáveis, desde o uso racional dos recursos naturais até a diminuição da extração ilegal de madeira da Floresta Amazônica".

Para ilustrar a eficiência da avaliação ambiental nas construções brasileiras, Mauricio Bernardes da Tecnisa apresentou a aplicação da Etiquetagem PROCEL-Edifica nos empreendimentos da linha Tecnisa-Flex, ramo de edifícios da empresa destinados a famílias com renda mensal de até dez salários mínimos. Após medidas de aplicação de aquecedor a gás e medidores de água individuais, a incorporadora elevou sua classificação no ranking de nível D para B. "A certificação ambiental dos edifícios auxiliam como diferencial de venda, redutor de custos operacionais do empreendimento e incentivo ao uso racional de energia e água", destacou Bernardes. O 83° Encontro Nacional da Indústria da Construção termina hoje (12/08) e contou com a participação de Gilberto Kassab, prefeito de São Paulo e da Presidenta da República Dilma Rousseff.

Sobre o SindusCon-SP

Fundado em 1934, o SindusCon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo) é a maior associação de empresas do setor na América Latina. Congrega e representa mil construtoras associadas e 30 mil filiadas na capital paulista e nas nove Regionais do sindicato no interior do Estado. São empresas de obras residenciais, comerciais, industriais, habitação popular, obras públicas e privadas. A construção paulista representa cerca de 35% da construção brasileira, que por sua vez representa cerca de 6% do PIB do país.
 

COMPARTILHE!

Agenda de la construcción

junio/2021

Filtrar eventos

lun

mar

mie

jue

vie

sab

dom

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

23jun14:0017:00Reunião da Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade - COMAT/ CBIC14:00 - 17:00 Virtual

Socios y Entidades Confederadas

Socios

 
Sinduscon-MG
ASEOPP
Sinduscon-AP
Sinduscon Anápolis
Ademi – PR
Sinduscon-AC
Ademi – MA
Sinduscon Sul – MT
Sinduscon-SM
Ademi – RJ
FENAPC
Sicepot-RS
 

Marque aquí y consulte a nuestros socios

Entidades Confederadas

 
CICA
CNI
FIIC
 
X