Logo da CBIC

CBIC`s Agency

22/05/2020

Serviço Social dá exemplos de ações para prevenção à Covid-19 no setor

Medidas adotadas para auxiliar as empresas do setor na prevenção e combate à disseminação do novo coronavírus (Covid-19) foram apresentadas nesta sexta-feira (22) por representantes de quatro dos 15 Serviços Sociais da Construção (Seconcis), durante o ‘Diálogos CBIC’ realizado pela Comissão de Política de Relações Trabalhistas (CPRT) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), com apoio do Seconci-Brasil e correalização do SESI-DN, e mediação do presidente do Serviço Social da Construção do Estado de São Paulo (Seconci-SP), Hauro Ishikawa.

Ao classificar como valiosas as contribuições que os Seconcis prestam à sociedade neste momento de pandemia, o presidente da CPRT/CBIC, Fernando Guedes Ferreira Filho, frisou que as “ações mostram o cuidado das empresas da construção, não apenas com os trabalhadores, mas também com seus familiares”.

Destacou também que os exemplos apresentados pelos Seconcis são importantes para as construtoras que estão com obras paradas e discutindo com governos locais os protocolos que vão adotar para a retomada de forma segura.

Haruo Ishikawa salientou que o Serviço Social da Construção, como terceiro setor e sustentado pelas empresas da construção civil, oferece qualidade de vida ao trabalhador, com atendimento médico, odontológico e de Segurança e Saúde no Trabalho (SST).

Ao ressaltar a importância do Seconci para as construtoras e os trabalhadores, Ishikawa defendeu que “o trabalhador da construção civil é o maior patrimônio para o empresário do setor e que, com saúde e segurança, dá mais produtividade e lucro à empresa”.

O presidente do Seconci Brasil, Antônio Carlos Salgueiro de Araújo, enfatizou a importância da atuação dos Seconcis, com soluções que estão sendo disseminadas para amenizar o impacto da pandemia para trabalhadores e construtoras, mantendo a atividade do setor.

Denise Noleto esclareceu que o Seconci Brasil reúne 15 Seconcis, em mais de 20 cidades, e que esses estão fazendo trabalhos similares aos apresentados pelos Seconcis de SP, DF, PR e MG. As ações desenvolvidas por cada um deles pode ser acompanhada no site do Seconci Brasil. Acesse!

 

Programa SOS

A gerente do Seconci-SP, Flávia Coelho, apresentou o Programa SOS (Programa Seconci Obra com Saúde), criado para garantir a implementação e adesão às medidas de prevenção do coronavírus, preconizadas pelo Ministério da Saúde e acordadas com a Secretaria do Trabalho para a construção civil.

Segundo Flávia Coelho, a iniciativa tem tido um papel fundamental para gerar tranquilidade aos trabalhadores da construção civil, além de contribuir para evitar a busca pela saúde pública.

Foram contratos e capacitados 90 profissionais de enfermagem para os canteiros de obras, visando a garantia da saúde dos trabalhadores e a continuidade da atividade. No momento, 16 construtoras na capital paulista e 86 canteiros no estado de São Paulo aderiram ao programa, o que representa o alcance de cerca de 9.500 trabalhadores do setor.

Além da testagem rápida dos trabalhadores das empresas que adquiriram o teste, a preço de custo com o Seconci-SP, diariamente o programa desenvolve, entre outras, as seguintes ações:

  • aferição de temperatura corporal;
  • busca ativa de casos suspeitos e encaminhamento para o atendimento médico no ambulatório e, no caso de suspeitos, indicação  para o hotline, onde médicos estão disponíveis em período integral por telemedicina;
  • acompanhamento/monitoramento diário dos trabalhadores afastados por suspeita de coronavírus;
  • orientação aos aspectos de higienização das mãos e garantia de que as construtoras estão fornecendo o que está preconizado pela construção civil,
  • participação do Diálogo Diário de Segurança (DDS).

 

Visitas orientativas aos canteiros de obras

A coordenadora de Segurança do Seconci-DF, Juliana Oliveira, apresentou a iniciativa adotada no Distrito Federal e replicada em outros estados sobre a visita orientativa do Seconci-DF às empresas da construção civil no combate ao coronavírus.

Segundo Juliana Oliveira, de 27 de março até o último dia 15 de maio, sem custo para as construtoras e com agendamento prévio, o Seconci-DF já visitou 46 empresas e 84 estabelecimentos, alcançando 5.679 trabalhadores.

Nas visitas, a equipe, composta por médico e técnicos de segurança e de enfermagem do trabalho, orienta e tira dúvidas dos profissionais da obra, com base em checklist fundamentado nas cartilhas da CBIC, do Sinduscon-DF e do Ministério da Saúde.

 

Atendimento presencial nas instalações do Seconci

O superintendente do Seconci e Sinduscon-PR, Andreas Schiel, detalhou as medidas adotadas pelo Seconci-PR nas áreas médica, odontológica e administrativa para manter o atendimento presencial nas instalações do serviço social.

O coordenador de Segurança do Seconci-PR, Roberto Gubert, informou que o layout da sala das palestras da NR-18 foi alterado e foram adotadas as recomendações necessárias para suas realizações. Mencionou também a elaboração de duas cartilhas com orientações sobre segurança e saúde no trabalho, uma direcionada aos trabalhadores, com base nas indicações do Ministério da Saúde e da secretaria estadual, e a realização de webinars sobre SST e as ações trabalhistas que devem ser adotadas pelas empresas.

 

Protocolos de atendimento médico

A coordenadora médica do Seconci-MG, Ana Lucia Elias de Almeida, destacou a conduta adotada pelo Serviço Social da Construção de Minas Gerais em relação a Covid-19. Em Belo Horizonte, por exemplo, o Seconci optou por manter os exames adicionais para atividades que envolvem trabalho em altura, mudança de função e espaço confinado. No que se refere a exames periódicos e retorno ao trabalho, a indicação é para que as empresas não realizem exames no momento, mas se a empresa se sentir insegura, o exame é feito.

 

Hospital de Campanha

Haruo Ishikawa destacou que o Seconci-SP também é Organização Social de Saúde (OSS) e está administrando dois hospitais de campanha do governo do Estado de São Paulo, o do Ibirapuera, com 268 leitos, e do Heliópolis, com 200 leitos.

Veja a íntegra do Diálogos CBIC, iniciativa que integra o projeto ‘Realização/Participação de/em Eventos Temáticos de Relações do Trabalho/Segurança e Saúde no Trabalho (RT/SST)’, realizado pela CBIC, por meio da sua Comissão de Política de Relações Trabalhistas (CPRT), com a correalização do Serviço Social da Indústria (Sesi Nacional), no canal da CBIC no YouTube.

COMPARTILHE!

Construction Agenda

may, 2020

Filter Events

mon

tue

wed

thu

fri

sat

sun

-

-

-

-

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

No Events

Events

Partners and Affiliations

Partners

 
ASBRACO
Sinduscon-PB
Sinduscon-Joinville
Abrainc
Ademi – PR
Sinduscon-Porto Velho
Ademi – ES
Sindicopes
Sinduscon-RIO
Sicepot-PR
Sinduscon-CE
Sicepot-RS
 

Click Here and check our partners

Affiliations

 
CICA
CNI
FIIC
 
X